Família de adolescente com crise convulsiva implora por vaga no Huse

0
Adolescente está no Nestor Piva desde o dia 5 de fevereiro (Foto: arquivo pessoal)

A família de um adolescente de 16 anos, que está internado na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Dr. Nestor Piva, em Aracaju, está implorando por uma vaga na Unidade de Tratamento Intensivo do Hospital de Urgência de Sergipe (Huse). O paciente tem problemas neurológicos e está na UPA desde o dia 5 de fevereiro sofrendo de sucessivas convulsões.

De acordo com Glícia Regina Farias, mãe do garoto, o Nestor Piva não dispõe dos recursos que o paciente precisa para estabilizar o quadro. “Ele tem que ir para uma UTI, ser atendido por neurologistas, realizar exames específicos. E no Nestor Piva não tem isso. A equipe de lá diz que todo dia solicita uma vaga, mas não consegue”, reclama.

O adolescente deu entrada no hospital há 8 dias com convulsões. Desde então, o quadro se agrava. “Ele faz tratamento e há um ano estava livre das convulsões. Mas no dia 5 elas voltaram e viemos para o hospital. Cada remédio que ele tomava, ia piorando o quadro. Aí resolveram entubar. Durante esse tempo, ele já apresentou pneumonia e agora está com infecção”, lamentou a mãe.

A Secretaria Municipal de Saúde de Aracaju (SMS) informou que o Nestor Piva é um hospital de baixa complexidade e o paciente necessita de exames e atendimento que apenas uma unidade de alta complexidade pode proporcionar. A SMS também reiterou que desde a semana passada solicita a vaga através de um sistema unificado que gere os leitos.

Já a Secretaria de Estado da Saúde alegou que desde essa última terça-feira, 12, está mobilizando toda a rede para conseguir uma vaga, mas ainda não conseguiu resolver o problema.

por Jéssica França

Comentários