Interventora do Cirurgia e presidente do Coren/SE estão com Covid-19

0
Márcia Guimarães e Diego Rafael testaram positivo para Covid-19 (Fotos: divulgação)

Mais dois profissionais da área da saúde testaram positivo para o novo coronavírus: a interventora judicial do Hospital de Cirurgia, Márcia Guimarães; e o presidente do Conselho Regional de Enfermagem em Sergipe (Coren/Se), Diego Rafael da Silva.

De acordo com a assessoria de comunicação do Hospital de Cirurgia, Márcia Guimarães já se encontra em isolamento domiciliar e passa bem, seguindo todas as recomendações médicas. A inclusive, faz um alerta para que, quem puder, fique em casa.

“Muitas pessoas podem estar assintomáticas, ou seja, nem sabem que estão transmitindo o vírus. No trabalho, as precauções devem ser redobradas e por mais que as equipes estejam entrosadas, precisam cuidar um do outro. Daí a importância do distanciamento e do uso de máscaras. Este distanciamento é de proteção e cuidado. Cuidar de si mesmo, é também, cuidar do outro. A doença não escolhe ninguém e sua disseminação é muito rápida”, destaca a interventora.

O presidente do Coren/SE, emitiu uma nota para informar que se afastou das atividades porque foi diagnostica com a Covid-19. “E durante a batalha, mesmo tomando todos os devidos cuidados, infelizmente fui acometido pelo novo coronavírus (Covid-19). Informo isso com pesar, mas na ciência de que estou garantindo a transparência que tanto defendo nos meus dias de labor. Me afasto temporariamente das atividades que exigem presença física, porém certo de que o presidente em exercício continuará o trabalho com dedicação, força, coragem e determinação neste momento tão importante. Mesmo distante, respeitando a importância do isolamento domiciliar, permanecerei lutando pela enfermagem, profissionais e toda a sociedade”, diz um trecho da nota.

Outros casos

Mais cedo, a delegada-geral da Polícia Civil, Katarina Feitosa, e o procurador-geral do estado de Sergipe, Vinicius Oliveira, confirmaram que testaram positivo para Covid-19. Os deputados Luciano Bispo (MDB) e Zezinho Sobral (PODE), diagnosticados com a Covid-19, o diretor geral da Alese, Roberto Bispo e alguns servidores também contraíram a doença. A advogada Priscila Felizola, filha do governador Belivaldo Chagas, e o marido dela José Carlos Felizola Filho, que é secretário geral de Governo de Sergipe, também foram infectados com o coronavírus.

Por Verlane Estácio

Comentários