SE tem 127 profissionais de enfermagem contaminados pela Covid-19

0
(Foto: Pixabay)

O estado de Sergipe tem, até o momento, pelo menos 127 profissionais de enfermagem contaminados pela Covid-19, segundo dados do Sindicato dos Enfermeiros do Estado de Sergipe (Seese/SE). O número é preocupante e pode ser ainda maior, pois somente os profissionais com sintomas podem ter acesso aos testes.

De acordo com a presidente do Seese, Shirley Moralez, os profissionais assintomáticos, que sabem que são comunicantes de casos confirmados dentro de seus domicílios ou em suas equipes, não tem acesso à testagem.

“Você sabe que é um caso suspeito, mas você não é afastado para segurança dos demais e nem tem acesso a testes. Essa situação é muito grave e tem contribuído para o aumento do índice de profissionais de saúde infectados, principalmente, aqueles de enfermagem”, comenta.

Shirley lamenta a situação e diz que os profissionais continuam com dificuldades para obter acesso aos equipamentos de proteção individual. “Se você faz um procedimento que tem risco de contaminação, você precisa estar devidamente paramentado, ou seja, ter máscaras, avental impermeável, protetor ocular ou facial, toca e luva. Esse material não tem sido fornecido e quando é fornecido somente é direcionado para pessoas que atuam no setor de Covid. Mesmo assim, as vezes, falta alguma coisa”, explica. Esse fator segundo, Shirley Moralez, é o que explica a ocorrência de casos confirmados entre profissionais de enfermagem que não atuam diretamente na área exclusiva para Covid-19.

 

 

Comentários