A Sabe pode ser arrendada

0

Há 15 dias que a indústria Sabe suspendeu a sua produção de derivados de leite e mandou 260 funcionários esperarem em casa o chamado de retorno, o que até agora não aconteceu. Em entrevista neste final de semana a um jornal local, o ex-Senador e ex-Governador Albano Franco , um dos principais executivos da empresa, fala sobre o futuro da Sabe. “Esta é uma empresa moderna, com capacidade para processar 250 mil litros de leite/dia. Acontece que a economia brasileira entrou em profunda recessão em 2016 e até hoje encontra-se estagnada. Foi exatamente neste período de de estagnação e recessão que a Sabe entrou em funcionamento, na expectativa de a economia voltar a crescer e a empresa operar acima do seu ponto de nivelamento, o que não ocorreu. Decidimos então dar uma respirada e estamos avaliando a possibilidade de uma composição societária com grupos interessados ou mesmo arrendá-la”. Nesta mesma entrevista concedida ao repórter Eugenio Nascimento, comenta a difícil situação do Estado. “Não diria que Sergipe é um Estado falido, diria que, como o Brasil, Sergipe precisa de reformas, de ajustes nas suas contas, de um projeto de desenvolvimento”, declarou Albano Franco que continua sendo o político mais inspirado entre tantos que ainda circulam na política sergipana. “Acredito que o Governador Belivaldo Chagas encontrará caminhos que façam o Estado sair da crise que vivemos atualmente”.

Quando Prefeito, João já tinha Alzheimer

No final da semana passada, a Senadora Maria do Carmo Alves concedeu entrevista ao radialista Narciso Machado, do Jornal da Fan, ocasião em que revelou que não pretende ser candidata a reeleição. Está no terceiro mandato de Senadora e, ao encerrá-la, pretende apenas cuidar do marido, o ex-governador e ex-prefeito João Alves Filho, com quem mora em Brasília. Ele e ela só vêm a Aracaju no período de recesso do Senado. O fato é que, segundo revelou, a doença de João Alves, o Mal de Parkinson agravou-se nos últimos meses e ele precisa de assistência total e completa. Ela revelou também que já na época em que foi prefeito, João Alves estava no início da doença, mas isso só foi descoberto no final de sua administração. Ele foi candidato a reeleição, mesmo sem condições de participar da campanha, porque o Mal de Parkinson já dava sinal de progresso. Como Prefeito João Alves Filho assinava papéis que ele nem tinha condições de ler. João deixou a Prefeitura já desgastado, fisicamente e politicamente por conta do Mal ade Parkinson. Mesmo assim o Ministério Público deu entrada em torno de 20 processos que estão parados porque dr. João Alves Filho não tem condições de responder a nenhuma pergunta.

Duas loucuras do PT

Deu a louca no PT. Vejam só estes dois casos:

‘1) Imitando a Venezuela, Lula acaba de “nomear” o ator José de Abreu “Presidente da República” interino ou substituto com intenção de substituir Bolsonaro num futuro próximo.. Com direito a “faixa” presidencial e tudo, o “presidente” José de Abreu está percorrendo o Brasil levantando a bandeira do Lula Livre. A brincadeira está indo um pouco longe demais, tanto que a Presidência da República está propenso a processá-lo por usurpação do cargo de Presidente da República, que legitimamente pertence, quer o prezado leitor concorde ou não, a Jair Bolsonaro.

2) A deputada Maria do Rosário protocolou, na sexta-feira, na Câmara dos Deputados um projeto de lei de… proteção a assaltantes. Segundo ela, eles exercem uma profissão (???) arriscada e mais das vezes são atingidos por tiros. Neste caso, ele quer que o assaltado seja processado e condenado…

Endoidou ou não? Dá para entender? Nem Aída Campos na causa.

A Barbie já tem 60 anos

A boneca Barbie, uma das mais amadas no mundo “fashion” está completando sessenta anos de existência. Ainda é um fenômeno de vendas no mundo inteiro. Já surgiram muitas outras bonecas, mas igual à Barbie, não. Ela é única.

Comentários