Atalho para o Senado

0

Nos últimos anos, a suplência para o Senado passou a ser cobiçada por empresários sem cacife político para disputar a titularidade de importante mandato. Em 2010, os empresários do setor de transporte coletivo Adierson Monteiro e Laurinho da Bomfim investiram forte na disputa pelas primeiras suplências dos candidatos ao Senado, Albano Franco (PSDB) e Eduardo Amorim (PSC). A vitória deste último já garantiu a Laurinho quatro meses como senador. Agora ele está em campanha pela eleição de Amorim para o governo, sonhando em herdar o mandato no Senado. Investimento idêntico está fazendo a família do empresário Ricardo Franco (PSDB), que concorre à 1ª suplência da senadora e candidata a reeleição Maria do Carmo Alves (DEM). O empenho do tucano na campanha da demista chegou a levantar suspeita, prontamente desmentida, sobre a existência de um acordo prevendo o afastamento de Maria para que Ricardo assuma em definitivo. Mesmo isso não sendo verdade, só o fato de conquistar a condição de 1º suplente de cargo tão importante já vale o esforço e os investimentos.

Briga feia

O Jornal da Cidade divulga hoje que para conseguir aparecer no horário eleitoral gratuito o deputado federal Mendonça Prado (DEM) teve que pedir a prisão do candidato a deputado estadual Edvan Amorim (PR). O demista alegou que o representado estava descumprido decisão judicial, que mandava exibir a sua propaganda política. Só após a juíza eleitoral Lidiane Vieira Menezes estabelecer multa diária de R$ 20 mil foi que a coligação dos irmãos Amorim colocou no ar a propaganda do candidato. Vixe Maria!

Lançamento

Será apresentada amanhã em Aracaju a programação da 20ª edição da Fimmepe Mecânica Nordeste, que acontecerá no Recife de 21 a 24 deste mês. O lançamento do evento acontecerá em um restaurante da Orla de Atalaia e terá como convidados empresários e jornalistas. A Feira reunirá os segmentos de automação, controle de processos, componentes industriais, máquinas e equipamentos, material eletroeletrônico, navipeças, óleo e gás, robótica, entidades financeiras e consultorias.

Antes e depois

No período eleitoral
Candidato vira santo
Bota a cara em todo canto
Favela, sítio, hospital,
Tapera, escola, curral,
Velório, igreja, pensão,
Promete o céu e o chão
Jura descaradamente
Mas muda radicalmente
Quando acaba a eleição!

O cordel acima é do poeta Merlânio Maia

Compra de votos

De um pecuarista sergipano ontem num restaurante de Aracaju: “Se eu não der pelo menos R$ 100,00 aos trabalhadores da fazenda eles não votam nos candidatos do nosso grupo”.

Pesquisa

O Jornal da Cidade informa que, atendendo determinação judicial, não publica hoje a pesquisa eleitoral que prometera aos leitores e que “novas informações serão prestadas no decorrer da semana”. Por sua vez, o jornalista Diógenes Brayner informa que o Datavox, responsável pela consulta, explicará as razões de o nome do tucano Júlio Cézar, candidato a governador de Alagoas, ter aparecido na pesquisa encomendada pelo Jornal da Cidade.

Deu pra trás

Assustado com a repercussão negativa, o prefeito de Aracaju, João Alves Filho (DEM) desistiu de se licenciar por 45 dias para entrar de corpo e alma nas campanhas de Maria do Carmo (DEM) e Eduardo Amorim (PSC). Ontem, para surpresa de todo mundo, o demista disse que houve um mal entendido, pois ele só pretendia uns 10 a 15 dias para descansar. João chegou a dizer que assinou sem ler o pedido de licença de 45 dias, que foi aprovado pela Câmara. Pode uma coisa dessa?

Com JB

O prefeito de Neópolis, Amintas Diniz (PSC), disse o que todo mundo já sabia: é eleitor de carteirinha do governador e candidato à reeleição Jackson Barreto (PMDB). Segundo o administrador, o apoio ao peemedebista visa reconhecer “os elevados investimentos que ele tem feito em nosso município”. Então, tá!

Cobrança

E por falar em Jackson, ele cobrou ontem ao prefeito João Alves Filho (DEM) que mande asfaltar várias ruas do bairro Santa Maria onde o governo executou obras de drenagem e esgotamento sanitário. “Há uma parceria entre o governo e a Prefeitura de Aracaju. Nós estamos fazendo a nossa parte, mas a Emurb está demorando em pavimentar as ruas”, discursou Jackson.

Quer mais

O deputado estadual Zé Franco (PDT) sonha em permanecer na presidência da Assembleia até o final do mandato. Foi o que ele disse ontem ao prometer que se continuar à frente do Legislativo até janeiro tentará aprovar o Plano de Cargos e Salários dos servidores daquele poder. “Acho a reivindicação justa, mas minha passagem pela presidência é muito rápida”, disse Franco, que está substituindo Angélica Guimarães (PSC) por apenas 30 dias.

Novo defensor

Jesus Jairo Almeida de Lacerda é o novo defensor público geral do Estado. Nomeado ontem pelo governador Jackson Barreto (PMDB), ele substitui Raimundo Veiga, que respondia pelo cargo desde setembro de 2010. A escolha de Jesus obedeceu à decisão da própria categoria, que deu 62 votos a Lacerda, contra 20 votos do segundo colocado.

Crueldade

As tradicionais cavalgadas realizadas em Sergipe expõem a crueldade como os animais são tratados. Enquanto os participantes da festa de divertem, os cavalos passam todo o dia sem água, alimentação e descanso. Até éguas prenhas são massacradas por chibatas e afiadas esporas. Alguém precisa intervir contra isso para que as cavalgadas não fiquem cada dia mais assemelhadas à sangrenta e proibida farra do boi de Santa Catarina.

Recorte de jornal

Publicado no jornal aracajuano A Tribuna em 4 de julho de 1932

Resumo dos Jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais