RC Aju-Norte suspende reunião almoço de hoje

0

A fase de quarentena que atinge o Brasil de agora chega ao Rotary Club de Aracaju-Norte. Também com o receio do contágio do corona-virus, a direção do clube, que é o maior de Aracaju com 70 associados, está orientando os seus associados a não sair de casa, nem no dia de hoje. Segunda-feira é o dia de realização do tradicional reunião-almoço, que se realiza semanalmente no Quality Hotel, mas hoje ele foi suspenso. . A Presidente do RC Aju-Norte, a advogada Zênia Fortes, disse ao colunista que todas as reuniões do mês de março foram suspensas e só retornará possivelmente no mês de abril, se essa invasão do corona-vírus melhorar. “Para mim não será surpresa se só voltarmos após a Semana Santa”, confessou ela.

Olha os panelaços aí….

A moda agora, nesses tempos de “prisão doméstica”, é realizar panelaços. Praticamente, todas as noites, o Jornal Nacional põe no ar as filmagens de alguns panelaços nas zonas sul e norte do Rio de Janeiro e São Paulo, registrando os protestos de todos estes granfinos. Na impossibilidade de vir para as ruas realizarem protestos, para evitar aglomerações, batem “panelas” nas janelas de seus apartamentos, produzindo um som disforme e até irritante, mas que serve como protestos. Então que venham os panelaços…

Cadê Lula, gente?

Nem os mais inveterados petistas estão falando nele. Mas fica a pergunta: cadê Lula? Está escondido onde? Já retornou ao Brasil, depois daquela viagem à Suiça (foi ver se a sua fortuna ainda estava nos bancos locais) e a Alemanha, para a qual a República brasileira pagou o acompanhamento de quatro assessores… Pois é, gastou-se uma fortuna e Lula voltou “mudo”, mesmo nestes tempos de avanço do corona-vírus… No Brasil, Lula é recebido sob intensas vaias para onde quer que vá. Na Europa, onde é pouco conhecido ainda atravessa incólume um ou dois quarteirões…

Prisão Domiciliar

O Brasil, de alguns dias para cá, está de quarentena. No último domingo, fecharam-se os shoppings, para evitar aglomerações de pessoas que facilitaria o contágio do corona-vírus. Manda a prudência que se evitem aglomerações de pessoas. Daí porque os jogos dos vários campeonatos pelo Brasil afora estão se realizando sem público. É esse o motivo também dos fechamentos dos cinemas da Capital e dos teatros. Shows em barzinhos também estão na lista negra. E por aí vai. Até quando vai demorar isso? Não se tem a menor ideia, ”até quando passar o corona vírus”, responde alguns. E as pessoas vão suportar esse tempo todo presas em casa?

Assembleia

A Assembleia Legislativa prepara-se para realizar reunião na próxima quarta-feira, pela manhã, para votação de alguns projetos indispensáveis. Mas não será admitido no plenário e até nas salas de comissões, qualquer indício de público, quanto mais de torcida por este ou aquele projeto. A Câmara de Vereadores, que por ora está usando o plenário da Assembleia, não tem reunião prevista para apreciação de projetos. Nem para reuniões de debates. A ideia na Assembleia é fazer com que a sessão termine o mais rápido possível, daí porque só poucos projetos serão apreciados e votados neste quarta-feira próxima.

Poucas pessoas na praia

Quem teve a curiosidade de ir até a praia de Atalaia neste final de semana, ficou impressionado com as poucas pessoas que lá estavam. Aquele marzão todos e só dez gatos pingados para curti-lo. Sinal de que a quarentena deu certo. Tava lá para quem quisesse ver. Agora até quando vai se aguentar isso, é o que veremos nos próximos quinze dias…

Duas Mortes

Permitam-me registar, embora com enorme atraso, o falecimento do Sr.Adalberto Moura, que foi Vice-Governador do Estado e peça chave na formatação do Branco do Estado de Sergipe. Ele morreu aos 94 anos de idade, deixando triste a família e seus inúmeros amigos. Como o escriba, por exemplo. Não é demais lembrar que ele foi padrinho do meu casamento com d. Ana Maria Lúcia Noronha Valença. Dr.Adalberto Moura, a gente se encontra em outras galaxias…

Quem também faleceu ontem foi d. Dolores, mulher do ex-deputado Cleonancio Fonseca.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários