Saudade do poder

0

Faltando quase dois anos para as eleições, o DEM só fala nelas. Ontem, o deputado federal José Carlos Machado garantiu que o ex-governador João Alves Filho aceita disputar o comando político do Estado. Esse tipo de afirmação, feita a tanto tempo do pleito, demonstra que a turma do DEM não se conformou em ter sido apeada do poder, e que o partido só dispõe de Alves Filho para tentar destronar o governador Marcelo Déda (PT). A questão é saber se até lá os democratas conseguirão aglutinar outras forças políticas em torno de uma candidatura de João e, principalmente, se este terá renovado o discurso suficientemente para derrotar o triunvirato formado pelo PT, o PSB de Valadares e o PMDB de Jackson. A vontade de antecipar as discussões em torno da sucessão estadual deixa claro que o DEM está com muita saudade do poder.

 

Visitas políticas

 

O governador em exercício de Sergipe, deputado estadual Ulices Andrade (PDT), visita hoje Canhoba, sua terra natal, e Canindé do São Francisco. Ontem ele visitou os prefeitos de Socorro, Fábio Henrique, e de São Cristóvão, Alex Rocha, seus aliados políticos. Na condição de presidente da Assembléia, Andrade assumiu o governo a semana passada, em substituição ao vice Belivaldo Chagas (PSB), devendo ficar no cargo até a próxima sexta-feira, quando o governador Marcelo Déda (PT) retornará a Sergipe.

 

Mudanças na Mega

 

A Caixa Econômica Federal anunciou mudanças na Mega-Sena e em outras loterias depois de divulgar a arrecadação de 2008 – R$ 5,7 bilhões, recorde histórico. Se ninguém acertar as seis dezenas da Mega-Sena especial de fim de ano (R$ 60 milhões), o prêmio não ficará acumulado: sairá para quem tiver acertado mais (cinco ou até quatro). O preço do bilhete pode subir. A notícia ruim vem agora: o preço do bilhete vai subir.

 

Insatisfação

 

Pesquisa feita pelo do Instituto Brasileiro de Relações com o Cliente (IBRC) e divulgada hoje pelo Jornal do Brasil revela altos níveis de insatisfação do consumidor com os serviços de atendimento ao cliente (SACs). Ocorreram mais reclamações com TV por assinatura (63%), telefonia (54%) e transportes terrestres (41%). Das nove empresas de telefonia testadas, apenas a Vivo e a Intelig foram aprovadas.

 

Rigor com infrator

 

Os motoristas que cometerem crimes no trânsito ou se envolverem em acidentes graves vão ter de passar por curso de reciclagem específico para voltar ao volante. É o que determina norma publicada pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran). A regra vale a partir de 1° de julho deste ano. O CBT estabelece como crimes de trânsito atropelamento, dirigir embriagado, participar de rachas, entre outros. Além do curso de reciclagem, os motoristas condenados terão de fazer exames de aptidão física e mental, avaliação psicológica, prova escrita sobre legislação de trânsito e prova prática de direção.

 

Roleta russa

 

A confiança no parceiro é o motivo mais apontado por quem deixa de usar a camisinha, revela pesquisa feita com pessoas que procuraram centros para realização do exame de HIV. Do total de entrevistados, 43,7% afirmaram que não utilizaram o preservativo porque confiam no parceiro. Em segundo lugar, com 13,6%, ficaram os que dizem não gostar da camisinha. Em seguida aparecem os que alegaram não ter informação sobre os riscos, com 7%, e os que disseram que o parceiro não aceita usar (6,4%). Entre os entrevistados que disseram confiar no parceiro, 23,5% informaram terem tido relações com parceiros eventuais.

 

Advogado valorizado

O presidente nacional da OAB, Cezar Britto, entende que a Lei nº 11.902 é reflexo da atuação firme da Ordem junto ao Parlamento no sentido de valorizar a advocacia. A Lei reduz de 10 para cinco anos o prazo para clientes exigirem prestação de contas dos advogados em relação a quantias pagas por serviços prestados. Segundo Britto, essa nova conquista vem se somar à da Lei 11.767, que garante a inviolabilidade do escritório. “No Estado Democrático de Direito, a figura do advogado tem papel relevante, pois é ele o encarregado da tarefa de defender o cidadão”, observou.

Eleição solteira

Os cerca de 21 mil eleitores de Nossa Senhora da Glória voltarão às urnas no próximo dia 8 para eleger o novo prefeito. A eleição solteira foi marcada ontem pelo TRE porque Sérgio Oliveira, eleito em 5 de outubro passado, teve seu registro cassado pela Justiça Eleitoral. Ele não poderá concorrer novamente, mas 10 em cada 10 moradores de Glória garantem que quem Serginho indicar vence com facilidade. A coluna aposta uma goiabada que sim.

 

Luto

 

Sergipe perdeu Manoel Cabral Machado, ex-vice-governador, professor aposentado da Universidade Federal de Sergipe e um grande intelectual. Com 92 anos, ele morreu no início da noite de ontem no Hospital São Lucas. O corpo está sendo velado no Osaf, na rua Itaporanga, de onde seguirá, no início da tarde, para a Academia Sergipana de Letras. Às 15 horas, o féretro segue para Capela, terra natal de Cabral Machado, onde será sepultado. Que a terra lhe seja leve.

 

Vá de Caranguejo

 

O ator e publicitário Antônio Leite está satisfeito com as vendas dos cascos do Bloco Caranguejo Elétrico. O traje, que dá direito a desfilar no bloco ecológico, está sendo vendido por R$ 50 nos shoppings Riomar e Jardins. Os associados do Iate Clube de Aracaju e freqüentadores do Restaurante do Mineiro, na Coroa do Meio, podem adquirir o casco por R$ 35. Como nos anos anteriores, o Caranguejo Elétrico será animado no domingo do Pré-Caju por Armandinho e a Banda Dodô e Osmar. Vai perder essa parada?

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários