Governo do Estado encerra XI Olimpíada Ambiental com premiação

0
Premiação aconteceu nesta terça-feira, 18 (Fotos: Lucas Noronha/Semarh)

Na manhã desta terça-feira, 18, o governo de Sergipe, por meio da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), realizou a cerimônia de premiação da XI Olimpíada Ambiental, que teve como tema “Soluções Naturais para Água: Caminhos para Construção de Sociedades Sustentáveis”. O evento, organizado pela Superintendência de Qualidade Ambiental, Desenvolvimento Sustentável e Educação Ambiental (SQS), aconteceu no Complexo Cultural Gonzagão, em Aracaju.

O início da premiação contou com apresentações de música de alunos de escolas públicas e particulares. Eles abrilhantaram a premiação com seus talentos, a exemplo das adolescentes que criaram um rap falando sobre o ato de “fechar a torneira” para economizar água. Toda essa animação teve um objetivo muito nobre: conscientizar as pessoas sobre o uso adequado dos recursos ambientais.

A satisfação era visível no rosto do secretário interino de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Marcelo Barberino, para quem o projeto é mais do que um sonho. “A Olimpíada Ambiental não é um projeto que fica restrito somente ao aluno e ao professor. Cada aluno repercute em casa a alegria de estar participando de um grande evento como este. Estamos todos fomentando uma reflexão, parando para pensar no meio ambiente. Não vamos deixar esse projeto cair no esquecimento, pois é importante nutrir nas crianças e adolescentes o desejo de preservar o meio em que a gente vive”, ressaltou.

Estudantes prestigiaram o evento

Elane Alvarenga, superintendente de Qualidade Ambiental, Desenvolvimento Sustentável e Educação Ambiental da Semarh, externou sua gratidão a todos que se inscreveram na Olimpíada. “Todos são vencedores. É um projeto pensado para vocês. Parabéns aos professores engajados na educação desses jovens. O objetivo é a sensibilização, nós somos natureza, precisamos cuidar do que nós somos. Não conseguimos passar sete dias sem água, então vamos cuidar de nós”, afirmou.

A XI Olimpíada Ambiental, que contou com grandes parcerias (Sarandi, Diretoria de Educação da Secretaria de Estado da Educação (Seed), Secretaria Municipal de Educação (Semed), escolas particulares e prefeituras sergipanas), teve em seu encerramento a exposição dos trabalhos concorrentes e entrega de medalhas e prêmios aos vencedores. Além disso, foram sorteados dois notebooks para os inscritos que estavam presentes, o primeiro contemplou um aluno e o segundo um professor.

Modalidades e premiações

Participaram da Olimpíada, alunos e professores de escolas públicas e particulares. O objetivo principal da Olimpíada, que acontece todos os anos, é motivar ações de caráter educativo, visando estimular a reflexão sobres questões e problemas relacionados ao meio ambiente. Ao todo, foram mais de 1.200 trabalhos inscritos.

Três modalidades estiveram em disputa: Arte, Produção de texto e Projeto. A modalidade Projeto destinou-se apenas aos professores. Os alunos concorreram em Arte e Produção de Texto, nas categorias Ensino Fundamental Menor, Ensino Fundamental Maior, Ensino Médio e Ensino Superior. Os estudantes do Ensino Infantil também concorreram na categoria Arte.

Os dez primeiros colocados de cada categoria receberam medalhas. Entre os alunos, o primeiro colocado ainda recebeu um prêmio de R$ 1 mil, o segundo colocado R$ 700 e o terceiro R$ 500. Para os professores, o primeiro colocado recebeu um notebook, o segundo colocado também R$ 700 e o terceiro colocado também R$ 500. Todos os classificados entre a quarta e décima colocação ganharam ingressos para o Oceanário de Aracaju.

Fonte: Semarh

Comentários