Encceja 2019: cartão de confirmação será divulgado na segunda

0
As provas do Encceja serão aplicadas no dia 25 de agosto (Foto: Inep)

Na próxima segunda-feira, 12, está previsto para ser divulgado o Cartão de Confirmação do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) 2019.

No documento constam informações importantes como local e horário de prova, atendimento específico/especializado, caso solicitado, nível de certificação e dados pessoais.

A avaliação é destinada a brasileiros que não concluíram o ensino fundamental ou médio em idade adequada. Com os resultados da prova é possível adquirir essa certificação. De forma gratuita e voluntária, podem participar jovens e adultos que moram no Brasil ou no exterior, inclusive pessoas privadas de liberdade. No entanto, é preciso ter, no mínimo, 15 anos para certificação do fundamental e 18 anos para o médio. 

As provas do Encceja serão aplicadas no dia 25 de agosto, em 611 municípios brasileiros. Mas o que é preciso levar no dia da prova? Além da caneta esferográfica de tinta preta fabricada em material transparente, os participantes devem levar um documento de identificação original e com foto para o dia da prova. Confira abaixo quais são eles:

• Passaporte

• Cédula de Identidade (RG)

• Carteira de Trabalho e Previdência Social

• Certificado de Dispensa de Incorporação

• Certificado de Reservista

• Carteira Nacional de Habilitação

• Carteira de Registro Nacional Migratório, Lei nº 13.445

• Identidade funcional em consonância com o Decreto nº 5.703

• Identidade expedida pelo Ministério da Justiça para estrangeiros, Lei nº 9.474

• Documento Provisório de Registro Nacional Migratório, Decreto nº 9.277

• Identificação fornecida por ordens ou conselhos de classes que por lei tenha validade como documento de identidade

O participante impossibilitado de apresentar a via original de documento oficial de identificação com foto, no dia de aplicação, por motivo de extravio, perda, furto ou roubo poderá realizar as provas, desde que, apresente boletim de ocorrência expedido por órgão policial há, no máximo, 90 dias do dia de aplicação do exame e submeta-se à identificação especial com coleta de dados e da assinatura do participante em formulário próprio. 

Fonte: Agência Educa Mais Brasil

Comentários