Como manter meu smartphone mais seguro

0

Toda semana ouvimos falar de falhas de segurança de smartphone. Seja um bug enorme no sistema operacional, aplicativos vazando seus dados de localização para o público ou senhas inseguras em nossos telefones, a segurança do smartphone não é muito levada a sério.

No entanto, deveria ser pois em muitos casos, você pode acessar a vida inteira de alguém através do smartphone.

Existem muitas maneiras de acessar os dados de alguém.

Os aplicativos podem vazar seus dados privados para o público. Hackers podem atacar seu telefone em redes Wi-Fi públicas. Ou você pode simplesmente perder o telefone em uma festa e acidentalmente dar a um estranho acesso a sua vida inteira.

Como se manter um pouco mais seguro?

Como manter meu smartphone seguro
Segurança Digital (Foto: Pixabay)

Primeiro, algumas regras gerais:

  • Fique fora do Wi-Fi público no seu smartphone.
  • Evite versões não oficiais de aplicativos populares (como imitações de jogos e aplicativos).
  • Evite aplicativos que precisam de permissões que não fazem sentido (como um despertador que precisa de acesso ao seu telefone).
  • Siga as precauções usuais evitando acessar spam ou links desconhecidos.

A partir daí, trata-se de aprimorar um pouco mais sua segurança eliminando algumas rotinas que facilitam a obtenção de informações pessoais por um hacker.

Livre-se do seu endereço residencial: se você estiver usando o Google Maps, provavelmente terá um endereço residencial e comercial configurado para poder navegar para casa. Remova essas informações para que não seja tão óbvio para alguém que tenha acesso ao seu telefone.

Se você tiver um cartão de contato com suas próprias informações, livre-se dele também.

Se o seu telefone registra onde quer que você vá, então você pode desativá-lo também.

Configurar software anti-roubo: se alguém roubar seu telefone, a primeira coisa que você deve fazer é se assegurar que ninguém possa acessar as informações dele.

O “Find My iPhone” da Apple e o “Google Device Manager” são boas opções para começar a aprender sobre aplicativos do gênero, qualquer um desses aplicativos ajudará bastante desde que possa rastrear seu telefone.

Apenas certifique-se de configurá-lo antes que alguém roube seu telefone, claro.

Use um gerenciador de senhas seguro: é tentador usar algo como o “iCloud Keychain” no iOS ou o “Chrome” no Android para salvar suas senhas diretamente no navegador, mas é uma péssima ideia do ponto de vista da segurança.

Se você precisar acessar suas senhas de maneira ágil, use um gerenciador de senhas com um aplicativo móvel.

Não salve sua senha em aplicativos confidenciais: é tentador salvar sua senha no aplicativo do banco, mas não o faça. Você precisará fazer login todas as vezes, mas pelo menos não corre risco de estar entregando abertamente suas informações privadas para a primeira pessoa que estiver em posse do seu telefone.

Infelizmente, seu e-mail também é sensível, pois qualquer pessoa com acesso pode redefinir sua senha em suas outras contas.

Para segurança total, você precisará sair do seu email completamente todas as vezes.

Use um bloqueio de senha: mesmo que seja fácil contornar isso, não significa que você não deve ter uma senha ativada no telefone.

Em um iPhone, escolha uma senha mais longa em vez de um PIN e, no Android, personalize sua tela de bloqueio por padrão como segurança.

Preste atenção ao que você instala e nas permissões do seu aplicativo: damos todos os tipos de permissões para os aplicativos sem prestar atenção ao aceitarmos os termos e, como usuários, somos terríveis quando se trata de nossa própria segurança.

A cada duas semanas, acesse seus aplicativos e verifique se eles só têm acesso aos dados que você aprova.

Criptografe seus dados privados na nuvem: se você deseja manter um aplicativo como o “Dropbox” instalado para lhe dar acesso aos dados privados do seu telefone, certifique-se de criptografar esses dados.

Você não precisa criptografar tudo, apenas qualquer coisa com informações pessoais, como declarações fiscais ou digitalizações de documentos.

Os usuários do Android também têm a opção de criptografar tudo no telefone.

De volta à realidade

Obviamente, poucos de vocês sairão do seu e-mail toda vez, excluirão o endereço residencial dos aplicativos de mapas ou verificarão os aplicativos toda semana. Então, aqui vai o que considero mais importante: use uma boa senha, ative a segurança através de 2 fatores, ative a limpeza remota e faça periódicamente um backup do seu telefone.

Comentários