João: das apostas em Serra e no “silêncio”

0

Quando o ex-governador João Alves Filho (DEM), resolveu disputar o governo do Estado pela sexta vez  – ganhou três (1982, 1990 e 2002) e perdeu duas (1998 e 2006) – ele tinha como trunfo principal não só o trabalho que fez ao longo dos anos, mas a candidatura de José Serra (PSDB), que naquele momento despontava com tranqüilidade e era dada como certa sua eleição para presidente da República.

João apostou todas as fichas em Serra e chegou a brigar com Albano Franco pelo comando da campanha do tucano em Sergipe.  Serra prometeu alguma estrutura para a campanha de João, e, de fato, no primeiro momento ele cumpriu, assumindo a equipe de marketing que chegou de fora do Estado. Mas ficou só nisso e até o compromisso total com a equipe de marketing não foi cumprido e alguns profissionais foram embora há alguns dias.

Com a queda de Serra nas pesquisas e a certeza da vitória de Dilma ficou difícil conseguir recursos com o tucano. Sem falar que em Sergipe, a campanha para governador está “minguada”, não só a de João Alves, mas a do próprio candidato à reeleição. E com as pesquisas mostrando à frente sempre Marcelo Déda até em Sergipe João Alves vem tendo dificuldades na arrecadação para sua campanha.

Agora, João Alves Filho aposta no “silêncio” que vem ocorrendo na campanha, principalmente em Aracaju. Acredita que parte significativa deste eleitorado “silencioso” votará nele. Em 2006, a esta altura do campeonato as esquinas das principais avenidas de Aracaju, estavam “lotadas” nos finais das tardes, de partidários de João e Déda. Hoje só se vê partidários do petista. E para os que dizem que são cargos comissionados fica a pergunta: então os de João, em 2006, eram somente cargos comissionados, já que sumiram das ruas este ano?

As pesquisas divulgadas (e as internas) mostram que Déda está levando vantagem num percentual sempre crescente. Mas para os que pensam que João está derrotado é preciso respeito com um político que tem passado e mostra que é liderança e tem prestigio junto a uma parcela significativa do eleitorado sergipano.

O blog volta a lembrar: não subestimem o prestígio eleitoral de João Alves. Para quem pensava que depois da derrota em 2006, ele estaria “morto” politicamente, os números mostram o contrário. Ele tem força política e qualquer deslize ou salto alto na reta final da campanha pode ser mortal para a reeleição de Déda, principalmente porque em Sergipe, o 2º turno não existirá mais uma vez.

 

Déda sem Lula e Dilma

E com a vitória consolidada de Dilma e a necessidade de concentrar as forças em São Paulo, onde Lula tenta levar Mercadante para o 2º turno eleitoral, tanto o presidente, como a candidata Dilma não virão a Sergipe participar da campanha de Déda. Seria um reforço importante nesta reta final, mas parece que as lideranças nacionais já deram como certa a vitória de Déda.

Serra deve participar de ato amanhã em SE

E o presidenciável José Serra deve participar de ato em Itabaiana amanhã, 17. A senadora Maria do Carmo tinha agendado um evento de adesão a candidatura de Mendonça Prado que foi adiado por conta da visita do presidenciável tucano.

 

Falando a mesma língua I

Informações de bastidores dão conta que o bloco governista, por iniciativa do candidato à reeleição, Marcelo Déda (PT) fizeram diversas reuniões nos últimos dias para afinar a língua na disputa pelas duas vagas ao Senado Federal. É consenso se Amorim e Valadares unirem suas candidaturas nesta reta final se elegerão com facilidade.

 

Falando a mesma língua II

A idéia é aglutinar as lideranças do grupo em torno das duas candidaturas, aparando arestas com o discurso da necessidade do fortalecimento do projeto de governo e da candidata Dilma. Estão pensando numa gravação, de Déda com os dois candidatos para ser divulgada nos programas eleitorais de Amorim e Valadares.

 

Dataform registra pesquisa

E na próxima edição o semanário Cinform deve divulgar uma nova pesquisa eleitoral para todos os cargos em disputa em Sergipe. O Dataform registrou na Justiça Eleitoral uma pesquisa que está sendo realizada até hoje, 16. A pesquisa foi encomendada pela Federação das Indústrias do Estado de Sergipe – FIES, no valor de R$ 25 mil e entrevistará 1067 eleitores.

 

Legislação acabou com ratos de rádio

E a queixa de vários ratos de rádio nesta campanha eleitoral é grande. É porque a rigidez na legislação eleitoral acabou com o “trabalho” deles de comer o queijo, ou melhor, de entrar no ar nos programas de rádio diariamente para defender seus candidatos e criticar os adversários. Agora, se o apresentador deixar que eles falem de política, terá sérios problemas com a Justiça Eleitoral. A legislação atuou como verdadeiro “chumbinho” na vida dos ratos de rádio.

 

Queijos importados fora do cardápio

E os “ratos de rádios” (alguns já se tornaram verdadeiros gabirus), tiveram que se contentar com  o tradicional queijo coalho vendido nas feiras da cidade. É que na época eleitoral o cardápio deles melhorava muito, chegando até a comer queijos finos importados como, por exemplo, Camembert e brie. Com certeza, após as eleições, eles farão um “apelo” dramático, em nome do povo para que a legislação seja mudada.

 

Memória política I

Nas primeiras eleições gerais, após o Estado Novo (1937-1945), no pleito para governador de Sergipe a vitória pertenceu ao engenheiro José Rollemberg Leite, sobre o advogado Luiz Garcia. A coligação PSD/PR suplantava a UDN. Curioso é que esses dois grandes políticos, dos mais importantes da história do nosso Estado, voltaram a enfrentar-se, nas urnas. Foi em 1958, na sucessão de Leandro Maciel. Dessa feita, o vencedor foi Luiz Garcia, com a UDN mantendo a hegemonia no governo estadual.

 

Memória política II

Quatro anos mais tarde, em 1962, aconteceu a última eleição direta para governadores, antes do golpe de estado de 1964, com Seixas Dória, egresso da UDN, derrotando o grande líder do partido da situação, Leandro Maciel. Seixas Dória governou apenas um ano e três meses, vez que foi deposto pelos militares, em abril de 1964. A ditadura militar, iniciada naquele ano, prolongou-se até 1985, quando o país conheceu um novo processo de redemocratização. Três anos antes, porém, aconteceu, em 1982, eleição para governador. João Alves Filho conquistou o poder nas urnas, derrotando o médico Gilvan Rocha, que cumprira mandato de Senador (1974/1982).

 

Cantina da Deso é de responsabilidade da ADCD

Sobre a nota publicada ontem, 15, neste espaço a assessoria de comunicação da Deso informa: Aquele espaço comercial é de responsabilidade exclusiva da Associação Desportiva e Cultural da Deso (ADCD), que decidiu fechá-lo para promover uma reforma física. Após avaliar os custos da obra, a Associação admitiu não dispor dos recursos para tanto, tendo procurado a diretoria da Companhia, mas esta não pode fazer a reforma de uma hora para outra. É que, como todos sabem, em se tratando de uma empresa pública, a Deso precisa antes ter a aprovação do Conselho Administrativo para, só depois, efetuar concorrência pública, expediente que também requer tempo legal”.

 

Machado na disputa

São apenas boatos os comentários de bastidores que Machado pode renunciar a candidatura ao Senado. Quem conhece o estilo dele e a forma de fazer política sabe que ele não corre da disputa mesmo estando em condições desfavoráveis até o momento. Tanto João como Maria do Carmo intensificaram o pedido de voto para Machado.

 

Estão boicotando Cacho?

O candidato ao Senado pelo PPS, Emanuel Cacho, começou com os programas eleitorais com uma imagem de pacificador e com uma imagem “leve” perante o eleitorado. Parece que a equipe dele não percebeu que o programa estava dando certo e deu uma guinada total. Está com um formato sem insosso. Mudou para pior.

 

Mobilização

E o senador Valadares (PSB) apesar de continuar desde o início da campanha em primeiro lugar nas pesquisas eleitorais continua pedindo “pé no chão” para seus eleitores. No twitter ele escreveu: “Peço aos meus eleitores que continuem mobilizados. Pesquisas animam mas o que vale é voto na urna! Humildade + trabalho, a equação da vitória”.

 

Qual a música principal da campanha de Déda?

Faltando 17 dias para o pleito eleitoral, no horário eleitoral gratuito, o candidato Marcelo Déda (PT) apresenta quase que a todo programa uma música nova. Resultado: nenhuma delas ficou guardada na cabeça do eleitor.

 

Zeca Oliveira vai surpreender

Entre os novos candidatos que apareceram nas eleições deste ano o blog destaca a candidatura de Zeca de Oliveira, do PSTU, a deputado federal que está bem no vídeo e com um discurso bem direcionado. Terá uma boa votação, mas o partido não alcança legenda para eleger um deputado federal. Zeca Oliveira é servidor público estadual e estudante de jornalismo.

 

Ricardo Melo também será bem votado

Outro candidato a deputado federal que está se apresentando bem é o médico Ricardo Melo (PV), filho do radialista Carlos Magalhães. Também será bem votado, mas a coligação PSDB/PV não tem como alcançar o coeficiente eleitoral que deve ficar em torno de 145 mil votos.

 

Sobre a rodoviária velha

E tem gente de determinados grupos que atuam na área do transporte levando na brincadeira a determinação do MPE de cumprir a resolução estadual sobre a transferência das linhas intermunicipais da rodoviária velha.  Porém, o MPE está de “olho” nas medidas que devem entrar em ação o mais rápido possível. Ou vão deixar tudo para a última hora?

 

Sugestões do blog

E o blog, que vem estudando – com base em vários documentos – o sistema de transporte de Sergipe lembra que deveriam agilizar passando, a partir do próximo mês, todas as linhas (ida e volta) pela rodoviária nova  com exceção das metropolitanas (Grande Aracaju).

 

Para começar a preparar o usuário

O usuário vai começar a usar também o terminal Leonel Brizola e evitará o excesso de passageiros que existe nestas linhas porque “passam direto” e não são fiscalizados. Pelo menos os fiscais na rodoviária nova vão coibir este abuso da lei; Tem como fazer:  é só deixar a política de  lado e pensar na segurança e conforto dos usuários.

 

Hospital sob intervenção

O candidato João Alves quis criar um fato político em Estância. Só para lembrar: O Hospital Regional Amparo de Maria não integra o grupo de unidades gerenciadas pela administração estadual. A unidade está sob intervenção judicial e é, portanto, administrada por uma comissão interventora. À Secretaria de Estado da Saúde (SES) cabe o repasse de recursos para custeio, na ordem de R$ 650 mil  que são administrados pela comissão interventora. O valor foi definido mediante acordo fechado em junho deste ano com a Prefeitura de Estância, que repassa R$ 450 mil, totalizando R$ 1 milhão.

 

Novo hospital

No município de Estância, o Governo do Estado investe na construção de um novo hospital regional, cujas obras já estão na fase final. O valor do investimento na nova estrutura é de R$ 11.655.094,45. Depois de inaugurado e em efetivo funcionamento, o futuro do funcionamento do Hospital Amparo de Maria e das dívidas até agora acumuladas será definido judicialmente.

 

STJ define listas para vagas da OAB no dia 10 de novembro

As listas tríplices a serem submetidas para o Presidente da República para preenchimento das vagas de ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ) destinadas à Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) serão formadas em sessão do Tribunal Pleno, convocada pelo presidente do Tribunal, ministro Ari Pargendler, para o dia 10 de novembro. A OAB apresentou 18 candidatos em três listas sêxtuplas. Entre os candidatos encontra-se o sergipano Carlos Alberto Menezes.

 

Santo Amaro e o fato previsto pelo Blog I

Não duvide nada, caro leitor, se Déda perder para João em Santo Amaro das Brotas por uma simples falta de uma conversa já relatada neste espaço. A eleição para prefeito naquela cidade teve um placar apertado pró Sr. Ivaldo Costa(DEM) de cerca de 4.150 votos a 3.980 pró Chileno(PRB).O Governador tomou uma decisão,  influenciada pelos neo-aliados, de receber o apoio prefeito Ivaldo, antes declaradamente inimigo do PT, do Lula e do Deda. Um dos prefeitos com maiores índices de rejeição no Estado.

 

Santo Amaro e o fato previsto pelo Blog II

Com isso ontem, o candidato derrotado Chileno, segundo informações almoçou com

João Alves em sua casa. Resultado, o PT que fez cerca de 13% dos votos válidos na última eleição, com certeza deve ampliar para 15 ou 18% seus votos pró Déda. O prefeito, com certeza e pelo que se comenta na cidade, a boca miúda, não deve transferir nem 20 % dos votos que teve nas últimas eleições. O Chileno, trabalhando para o João Alves, aliado aos dissidentes do prefeito deve abocanhar cerca de 4000 votos fácil pró João, enquanto Déda, graças ao PT local deve chegar no máximo aos seu 2.500 votos. Isto é, se não apertar o prefeito pra trabalhar, pode ser derrotado na cidade com margem de mais de 1.200 votos, enquanto poderia sair com mais de 4500 votos de dianteira se não dispusesse a conquistar os dois lados. Vá entender….

 

FHC “cansado” do passeio a Europa ataca Lula I

Depois de cansar-se e ir passear na Europa, FHC volta lépido e fagueiro para fazer o que mais gosta na vida: atacar Lula. E recomenda ao PSDB uma estratégia na base do “vai ou racha”, inclusive mandando associar o caso do sigilo fiscal da Verônica Serra (que o próprio Serra, parece, desistiu de enfocar porque virou contra ele próprio) ao mensalão.São os estertores finais da campanha. Alguém acredita que essa estratégia suicida poderá abalar o consolidado prestígio do Presidente Lula? Enquanto isso, no Pernambuco, até o lider do PSDB adere à campanha de Eduardo Campos, para não opor-se inteiramente ao eleitorado petista.

 

FHC “cansado” do passeio a Europa ataca Lula II

Em matéria publicada no Valor Econômico, o ex-presidente classificou Lula como “chefe de facção”, “mesquinho” e autoritário: “FHC foi questionado sobre como o partido poderia explicar à população as suspeitas que recaem sobre o governo, como a quebra do sigilo fiscal da filha de Serra. “Tem que falar que é um mensalão de novo”, respondeu. FHC recomendou aos militantes que associem denúncias ao presidente. “O homem está ali ao lado. Será que ele não ouviu, não viu?”, comentou, ao referir-se sobre suposto lobby envolvendo a ministra da Casa Civil, Erenice Guerra”. Durante quase toda a entrevista o ex-presidente atacou o presidente Lula. “Vejo que o presidente virou militante, virou chefe de facção”, criticou. “Quer massacrar o outro lado, ultrapassa o Estado de Direito democrático.” Em outro momento, comparou o governo ao “cupim”, que “vai comendo por dentro” a madeira até ela ficar oca.

Entre aspas

“Faltou quem freasse o Mussolini. Alguém tem que parar o Lula.” Ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, o FHC.

 

Artistas na parada

Vários cantores estão na parada concorrendo a cargos eletivos, no próximo pleito. A seguir, uma relação deles: Kiko, da Banda KLB – Dep. federal; Reginaldo Rossi – Deputado estadual; Tati Quebra-Barraco – Dep. Federal; Waguinho – Senador; Leci Brandão – Dep. estadual; Simony – Dep. estadual. Tentando reeleição, aparecem Agnaldo Timóteo – deputado federal e Frank Aguiar – deputado  federal.

 

Eleições no Confiança

O Confiança vive clima de processo eleitoral. Dois candidatos concorrerão ao pleito. Luiz Roberto, atual vice e Jorge Luiz Lopes, ex-diretor, representando a oposição. Terão direito a voto os sócios-conselheiros e os sócios-torcedores. Ambos os candidatos já expuseram suas metas para análise dos membros do Conselho do clube proletário.

 

Calendário estranho da CBF

FUTEBOL 2 – Causou profunda estranheza o fato de a CBF ter divulgado o seu calendário oficial para o ano de 2011 sem incluir a Copa do Nordeste. A notícia, liberada na última semana, deixou os dirigentes dos clubes sergipanos com as barbas de molho.

 

Planos do tricolor

Deverá ser bastante renhida a disputa do campeonato sergipano da Série A-1, no próximo ano. Além do Confiança e do Sergipe, também o Itabaiana pretende armar uma grande equipe. O técnico Maurício Simões está nos planos do tricolor serrano.

 

TJ/SE promove Curso de Primeiros Socorros

Acontecerá na próxima sexta-feira, 17, a 2a etapa do Curso de Primeiros Socorros ministrado pelo Corpo de Bombeiros nos Fóruns Integrados III, no conjunto Inácio Barbosa. A iniciativa tem o objetivo de capacitar os servidores do Judiciário a realizar um primeiro atendimento àqueles usuários que por acaso se sintam mal em alguma audiência realizada nas dependências da instituição, antes da chegada do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência -SAMU. A necessidade foi percebida pela chefe do setor de Segurança dos Fóruns III, Capitã Maristela Xavier dos Santos e logo posta em prática pela coordenadora, Drª Áurea Corumba de Santana. A 1a turma aconteceu no último dia 10 e serviu para que os servidores aprendessem também noções iniciais de controle de incêndio.
 

Ivan Leite persegue professores, segundo Tribuna Cultural

Deu no site Tribuna Cultural de Estância: “O desgastado governo de Ivan Leite, prefeito de Estância, continua agredindo os educadores, primeiro o Secretário de Cultura Luis Carlos dos Santos, chamou-os de cachorros loucos, depois um comissionado da Secretária de Educação, conhecido como José Mendes atacou o dirigente do SINTESE Dominguinhos na Emissora de Rádio Ilha FM, de forma tão vil que provocou a reação da sociedade…O comportamento mesquinho do prefeito provocou a revolta da população que passou a repudiar o gesto da administração e aplaudir os manifestantes, que, diga-se de passagem, se comportaram – apesar das agressões sofridas – de forma elogiável.Foi o triunfo da civilidade dos educadores, contra a arrogância, contra a intolerância de um prefeito que perdeu o discurso, e já não consegue explicar ao povo estanciano porque os professores da rede municipal recebem os piores salários da região sul, e um dos piores do Estado de Sergipe, apesar de ter a terceira maior receita de Sergipe”.

 

Sindisan realiza seu VI Congresso dos Trabalhadores da Água

O Sindicato dos Trabalhadores em Água, Esgotos e Recursos Hídricos do Estado de Sergipe – SINDISAN, realiza, entre os dias 17, 18 e 19 de setembro, o sexto congresso da categoria. O VI CETAE ocorrerá na Chácara Saint German, no município de São Cristóvão, e contará com a participação de grande número de trabalhadores. O Congresso contará com a presença de Acrísio Soares da Mota, do Núcleo de Educação Popular 13 de Maio, do diretor técnico do DIEESE, Luis Moura, de representantes da CUT-SE e de outras centrais sindicais que atuam em Sergipe.Os trabalhadores interessados em participar no evento devem entrar em contato pelo telefone do Sindicato (3214-3650), ou através do e-mail sindisan@infonet.com.br.

 

Congresso de Epidemiologia Hospitalar

De 01 a 04 de setembro, aconteceu em Recife-Pernambuco o XII Congresso Brasileiro de Controle de Infecção e Epidemiologia Hospitalar. O evento teve como objetivo reunir grandes profissionais da área, visando a verdadeira troca de experiências e conhecimentos. O Coordenador da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH) do Hospital Primavera, de Aracaju-Sergipe, Thiago da Silva Mendes, participou do Congresso e apresentou um trabalho como autor principal e outros quatro trabalhos realizados em conjunto com a equipe do Hospital Geral de Pirajussara (acreditado ONA nível 3).

 

Trabalho desenvolvido

 “Esse congresso foi importante para mostrar o trabalho que desenvolvemos. Espero que nos próximos eventos, relacionados ao controle de infecção, eu possa demonstrar os bons resultados colhidos do excelente trabalho em equipe que é desenvolvido no Hospital Primavera” , afirma Thiago. Quem também  prestigiou o Congresso Brasileiro de Controle de Infecção de Epidemiologia Hospitalar foi a médica Iza Maria Fraga Lobo (também palestrante) e o Presidente da Associação Brasileira de Controle de Infecção Hospitalar, Antônio Tadeu Fernandes.

Banese assina acordo com a PF

O Banese assinou acordo de cooperação com o Departamento de Polícia Federal, para compartilhar informações e combater a prática de ilícitos criminais, especialmente no que se refere às fraudes bancárias eletrônicas. O acordo foi assinado através da adesão do Banese ao protoloco de execução ‘Fraude Bancária Eletrônica’, celebrado entre a Polícia Federal e a Federação Brasileira de Bancos (Febraban). Segundo o gerente da Área de Segurança da Informação do Banese, Aléssio Rezende, o acordo tem entre as suas finalidades proporcionar uma base de dados consolidados à PF acerca de fraudes bancárias eletrônicas em contas de depósitos mantidas nas instituições financeiras aderentes.

 

Celi está entre os 15 melhores do Twitter imobiliário

Acompanhando todas as tendências e inovações da Internet, mais uma vez a Construtora Celi se destaca nas mídias sociais! Dessa vez, o site Marketing Imobiliário fez uma enquete entre os internautas para escolher os 15 melhores perfis imobiliários do Twitter. E, claro, a Celi ficou entre os escolhidos, conquistando o 9º lugar. Essa é ais uma prova do brilhante trabalho desenvolvido pela construtora em todos os seus setores. Visite o www.marketingimob.com e siga o @marketingimob para ficar ainda mais informado sobre as novidades da @construtoraceli.

 

Celi apoia Congresso Jurídico Beneficente

Incentivadora da educação e de eventos voltados para a cultura e a ampliação dos conhecimentos, a Construtora Celi é uma das empresas que apoiam o III Congresso Jurídico Beneficente. O evento acontecerá nos dias 16 e 17 de setembro, no Teatro Tobias Barreto, em Aracaju.

 

DENUNCIE OS CRIMES ELEITORAIS

Ouvidoria do TRE/SE: (79) 2106-8777. E-mail: ouvidoria@tre-se.gov.br ou ainda por correspondência preenchendo o formulário eletrônico no site www.tre-se.gov.br.O prazo para as respostas às consultas é de 03 (três) dias. Na Procuradoria Regional Eleitoral: Enviar, por correio, a documentação endereçada à Procuradoria da República em Sergipe, situada na Avenida Beira Mar, nº 1064, Praia Treze de Julho, Aracaju/SE, CEP 49020-010: Enviar para o e-mail denuncia@prse.mpf.gov.br ou preencher  formulário site www.prse.mpf.gov.br

DO LEITOR

Wanderlê continua candidato

E-mail de Messias Gonçalves: “Embora setores da imprensa tentem confundir a população, em especial aos eleitores do deputado professor Wanderlê, como amigo e eleitor dele, que prezo pela verdade dos fatos, digo aos sergipanos: -?Ele é e está candidato?. Na verdade o que ocorreu com ele é que o TSE em ano eleitoral é obrigado pela lei das eleições, informar aos partidos políticos, quais dos seus filiados estão com alguma pendência com a justiça eleitoral, até o dia cinco de junho. Não informaram. Por isso alguns candidatos deram entrada nos seus registros no dia cinco de junho com essas pendências. No caso específico dele, em setenta e duas horas, ele regularizou a sua situação. Tanto é que o TRE/SE deferiu o registro da sua candidatura. Insatisfeito com a decisão do TRE/SE, o Ministério Público Eleitoral, entrou com recurso. Agora no TSE em Brasília. A ministra Carmen Lúcia recebeu esse recurso. Com isso terá que o processo vá a plenário para ser votado pelos demais ministros. Apenas ela recebeu e nada mais. Não existe essa história de “cassação”. São as vontades de alguns poucos. E ainda que ele seja derrotado pelo TSE, ainda poderá recorrer dessa decisão numa esfera maior. Quanto ao processo que o condenou na última sexta feira por uma comarca de São Cristóvão, não lhe impede de ser candidato nesta eleição. Um abraço e que Deus continue iluminando os seus passos, para que continue a defender o meio ambiente. Isso é, defender o hoje e o amanhã dos nossos filhos e netos. O resto é politicagem”. Messias Gonçalves.

DA CAMPANHA ELEITORAL – Matérias dos majoritários enviados por suas respectivas assessorias:

João adverte empresários: Sergipe corre risco de andar para trás

O candidato ao governo do estado pela coligação “Em Nome do Povo”, João Alves Filho, fez um alerta aos empresários do comércio: “Sergipe corre o risco de repetir a situação de Alagoas, caso o petista Marcelo Déda seja reeleito. Alagoas possuía um PIB que era o dobro da arrecadação de Sergipe até a instalação de um governo que quebrou o Estado. Em 2006, revelou o candidato do DEM, quando concluiu seu último mandato, Sergipe já estava com arrecadação 1,5 superior a de Alagoas.

 

Debate na FECOMÉRCIO  

O democrata participou de uma entrevista como candidato convidado pela FECOMÉRCIO – Federação do Comércio e advertiu a todos que Sergipe está ameaçado de retroagir em desenvolvimento. “Nunca um administrador público deixou o Estado no patamar em que se encontra hoje. Esse governador que aí está sucateou os hospitais, as escolas, as delegacias e massacrou o povo sergipano”, desabafou.

Mais qualificado

João respondeu perguntas formuladas pelos empresários e pelos jornalistas convidados e foi incisivo quando foi indagado por que pretende ser governador mais uma vez. “Por amor a Sergipe, para salvar o Estado desse desgoverno, dessa incompetência, desse engodo”.  Alves se julga o mais preparado e mais qualificado para comandar o estado pelos próximos quatro anos. Fiz 80 por cento das obras estruturantes de Sergipe, enquanto os demais governadores juntos fizeram apenas 20 por cento. (Da assessoria).

 

Déda pede aos evangélicos que comparem suas palavras com realizações

O candidato à reeleição ao governo de Sergipe, Marcelo Déda (PT), reuniu-se na manhã de ontem, 15, com representantes de diversas igrejas evangélicas no hotel Radisson, onde recebeu um documento contendo sugestões dos religiosos para a sua próxima gestão. Estavam com Déda os candidatos ao senado, pela coligação ‘Para Sergipe Continuar Seguindo em Frente’, Antônio Carlos Valadares (PSB) e Eduardo Amorim (PSC). No início do evento, vários pastores se dirigiram ao governador Déda para exprimir o apoio de suas igrejas e seguidores ao governo da mudança, afirmando o desejo da comunidade evangélica do Estado de que Sergipe continue seguindo em frente no caminho do progresso e justiça social.

 

Homenagem aos cristãos

“Deus preparou o governador Marcelo Déda para trazer as mudanças para nosso Estado. Com sabedoria, seriedade e comprometimento o nosso governador administra o seu rebanho. Que os males a ele desejados se desfaçam porque quem está com Deus ninguém pode ficar contra”, afirmou o secretario nacional do Movimento Evangélico Progressista, Cesário Silva.O governador Marcelo Déda iniciou sua fala aos religiosos homenageando a presença de tantos cristãos. “Vou tratar todos na igualdade de irmãos de fé e irmãos na esperança”, afirmou ao explicar que independente da religião, que cada um traz em seu coração, todos são cristão e seguem os preceitos da Bíblia.

 

Humildade administrativa

O governador disse também que sabe que seu trabalho não é perfeito porque “perfeição é atributo de Deus, não é atributo dos homens”, justificou. “Como filhos de Deus, buscamos a perfeição mesmo sabendo da impossibilidade de alcança-la. Na sua grandeza insondável Deus tenha desenhado o seu plano e permitido ao homem conhecer a sua grandeza para estimula-lo à imita-lo, mas jamais iguala-lo ou supera-lo. Por isso, nos precisamos ter a humildade de compreendermos que não somos perfeitos, em qualquer área, da liderança religiosa a liderança política”, lembrou o governador.Em seguida, o candidato lembrou os diversos esforços de seu governo para construir uma boa administração. (Da assessoria).

Blog no twitter: www.twitter.com/BlogClaudioNun

 

Frase do Dia

“Passada a disputa na OAB, os sergipanos devem estar juntos para apoiar Carlos Alberto Menezes na caminhada para o STJ”. Mensagem postada às 12h50min do dia 13 setembro pelo magistrado e professor Anselmo Oliveira em seu twitter (www.twitter.com/profanselmo).

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários