MPE apura parcelamento do 13º envolvendo Banese. Representação TCE

0

“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

Está tramitando no Ministério Público Estadual e no Tribunal de Contas de Sergipe, desde dezembro do ano passado, um procedimento extrajudicial (Proej) envolvendo o ex-governador Jackson Barreto e o atual, Belivaldo Chagas, para apurar se foi ilegal ou não o parcelamento do 13º salário dos servidores envolvendo uma operação financeira através do Banese.

O procedimento tramita na Promotoria de Justiça dos Direitos do Cidadão Especializada na Defesa do Patrimônio Público, Previdência Pública e Ordem Tributária de Aracaju, e, entre outras informações, pede esclarecimentos sobre a situação financeira do Estado, a necessidade do parcelamento e se a PGE deu parecer favorável constitucionalmente à referida proposta que foi transformada em lei.

O procedimento tem como base uma representação do Ministério Especial de Contas do TCE, com o seguinte teor: “argui-se que o Estado de Sergipe (através de atos dos gestores) teria celebrado verdadeiro contrato de mútuo com o BANESE na operação de pagamento do 13° salário dos servidores públicos, desencadeada a partir da publicação da Lei Estadual n.° 8.317/17.” Segundo o Parquet, a Administração Direta “promoveu negócio jurídico simulado” ao ser utilizar de empregados e servidores para contrato de mútuo junto ao BANESE, responsabilizando-se pelo “pagamento de juros devidos”, o que atrairia ofensa ao art. 35 da LRF e art. 167, III, da CF.

O governo do Estado já apresentou a devida defesa e agora aguarda-se o posicionamento final dos respectivos órgãos envolvidos.

 

Concurso Alese Vários candidatos que foram aprovados no concurso têm questionado o blog sobre quando serão chamados para trabalhar. De fato, o Presidente Luciano Bispo disse em várias entrevistas que chamaria os aprovados o quanto antes. Pelo andar da carruagem corre o risco de terminar o mandato e não cumprir a promessa. Com a palavra Luciano Bispo.

Afronta Aliás, nos bastidores tem assessor de Luciano Bispo comemorando antecipadamente uma decisão judicial para que possa ficar no cargo e com isso ser candidato a presidente de novo. A comemoração antecipada foi informada ao CNJ. Imagine…

Mais um acidente no trecho da BR-101 Pedra Branca/Maruim ocorrido ontem, 14, à tarde. Um ano que a JF deu prazo de 120 dias ao DNIT e nada ocorreu.

Obra da BR-101 trecho Pedra Branca/Maruim: um ano da decisão da Justiça Federal determinando 120 dias para conclusão Na última sexta-feira, 11, completou um ano da sentença da Justiça Federal que fixou o prazo de 120 dias para o DNIT concluir a BR-101, no trecho de Pedra Branca a Maruim, considerado como trecho da morte. Continua tudo como antes, principalmente em relação aos acidentes de trânsito no trecho citado. Ontem, 14, no fim da tarde um motorista se acidentou no local.

Pelo andar da carruagem vai completar Bodas de ouro e não se conclui a obra Resumo da decisão judicial: “Ante o exposto, extingo o processo com resolução de mérito, nos termos do art. 487, I, do CPC, julgando procedente a pretensão autoral para determinar aos réus que concluam as obras de duplicação da BR 101, no trecho entre Pedra Branca e Maruim, no prazo de 120 dias.” Decisão de 11 de janeiro de 2018.

As imagens são claras: a polícia montada insiste em ficar nas calçadas e deixar a merda para os moradores

A PMSE tem excelentes profissionais, mas tem uma parte que não respeita os cidadãos sergipanos. Merda nas calçadas Não é a primeira vez que este espaço publica a reclamação de moradores e comerciantes em frente a entrada principal do Estádio Batistão que após os jogos encontram suas calçadas cheias de merdas deixadas pelos cavalos da Polícia Montada de Sergipe. A denúncia já foi feita na corregedoria, que passou para a ouvidoria e depois mandou enviar por e-mail para o comando. Ou seja, algumas autoridades da PMSE acham que o cidadão de bem, que paga seus impostos, tem também que catar a merda deles (os cavalos não têm culpa) deixadas nas calçadas. Bastava ficaram na rua, mas ficam na calçada em busca de uma sombra. Será que Sergipe tem governador para acabar com essa merda deixada pela Polícia Montada?

Escola Rural Nossa Senhora da Conceição em Socorro Desde 2012 essa escola que ficava no povoado Taiçoca de Fora foi extinta. Mas onde ficava localizada hoje é um muro de uma empresa. Uma pergunta que não quer calar: O terreno foi doado, vendido ou invadido? Com a palavra os órgãos responsáveis do Estado.

CAIC Jornalista Joel Silveira em Socorro Essa escola situava-se no Conjunto Marcos Freira 2 foi derrubado pelo próprio Estado pelas condições precárias do prédio. Hoje o terreno que era da escola tem uma construção. Vai acontecer o mesmo da escola citada acima? A comunidade quer uma satisfação.                                                                                                          

Até quando? A Emsurb e a vigilância sanitária fecham os olhos e lavam as mãos, com água de coco, diante do comércio irregular de água mineral em Aracaju Diante da omissão do poder público, comerciantes emporcalham calçadas e ruas da cidade com os resíduos da água de coco, esparramando as casas em números tambores à espera de que a “Torre de Babel” resolva coletar os cocos deixados nas vias públicas, visto que os garis não dispõem de guindastes para levantar tamanho peso…Com a palavra, os “diligentes” da Emsurb e da vigilância sanitária que se recusam a ver o descalabro na Rua Dom José Thomaz, no bairro São José! Para enfrentar os porcões, poderia o consumidor dar uma mãozinha de cidadania: recusando a comprar coco de quem suja as ruas da cidade!

Posse solene Os trabalhos dos novos representantes da Ordem dos Advogados do Brasil, em Sergipe, já foram iniciados, visto a admissão administrativa no dia 01 de janeiro deste ano. No próximo dia 21, será realizada a posse solene da entidade. Para tanto, a OAB/SE convida a toda a advocacia e sociedade sergipana para o evento que acontecerá no Teatro Atheneu, às 19h.

Cerimônia A cerimônia será direcionada à investidura da Diretoria do Conselho Seccional da OAB/SE, Diretoria da Caixa de Assistência dos Advogados, Presidência do Tribunal de Ética e Disciplina, Diretoria Geral da Escola Superior de Advocacia e Presidência do Conselho Estadual da Jovem Advocacia, para o triênio de 2019/2021.

Deputada defende união entre instituições para apreciar situação dos presos em SE A deputada estadual Maria Mendonça (PSDB) defendeu a união entre entidades, a exemplo da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/SE), Defensoria Pública, Secretaria de Justiça e Ministério Público para que juntos analisem a situação dos presos custodiados em cadeias sergipanas.

Quantidade A sugestão da deputada é justificada pela grande quantidade de pessoas privadas de liberdade, muitas delas, sequer, sem ter tido julgamento, conforme revela o relatório do Observatório de Sergipe. Segundo levantamento, 62,8% dos presos provisórios no Estado aguardam o primeiro julgamento pelos crimes praticados.

Morosidade “É inadmissível que tenhamos políticas públicas ainda tão morosas. Tenho certeza que o empenho de todos trará um resultado bastante positivo, sobretudo, para aqueles que estão privados por práticas delituosas, cuja pena pode ser revertida em alternativa, de modo a desafogar as nossas cadeias que hoje abrigam cerca de cinco mil presos”, explicou Maria Mendonça.

Relatório A deputada observou que, ainda de acordo com o relatório, apenas 32,7% dos presos sofreram condenação judicial, 25,6% foram condenados em execução definitiva e 11,6% em execução provisória, ou seja, que ainda cabe recurso. Do total de presos, 95,4% são homens e 4,6% são mulheres, sendo que 17% já estiveram no sistema penitenciário, voltaram às ruas e cometeram novos delitos, retornando às cadeias estaduais. “É um número alto e que precisa de uma análise cuidadosa. É possível que exista dentro dos presídios, detentos que já possuem o direito à remissão de pena”, salientou.

PELO ZAP DO BLOG CLÁUDIO NUNES – (79) 99890 2018

Evislan da JFilhos: “Todo empreendedor enfrenta uma sequência interminável de desafios em seus negócios quase que diariamente” Lagarto Notícias: “Nossa empresa tem um modo particular de enxergar o futuro dos seus negócios, buscando a melhoria contínua de nossas ações todos os dias. Cada atitude e cada novo empreendimento, é norteado pela ética, pela transparência e pela consciência de que fazemos parte de algo ainda maior e mais importante do que simplesmente construir: realizar sonhos; pois trabalhamos algo de mais importante e marcante na história das pessoas: a aquisição de um imóvel.”Confira a entrevista com o Diretor de Negócios da JFilhos, Evislan Souza, para o Lagarto Notícias aqui.

Faleceu Doutor do Cacique Chá Faleceu na tarde do último domingo, 13, Aliberte Machado, mas conhecido por Doutor do Cacique Chá que entre 1975 e 1998 foi o proprietário do Restaurante Cacique Chá onde representou o ponto da intelectualidade de Aracaju, além de ter sido um dos palcos de música dançante com o tradicional Chá das cinco. Clique no link para assistir entrevista com Doutor do Cacique.Clique e assista:

 

PELO E-MAIL E FACEBOOK

Gente Sergipana – Francisco Guimarães Rollemberg

por Antônio Samarone 

Francisco Rollemberg nasceu em Laranjeiras, em 07 de abril de 1935, um domingo de ramos. Filho de Antonio Valença Rollemberg e Maria das Dores Guimarães Rollemberg. Chico desfrutou da infância interiorana em Laranjeiras, jogando bola, tomando banho de rio, vadiando livremente, sem medos ou sustos.

O pai de Chico Rollemberg foi proprietário do Cinema Iris, em Laranjeiras. Chico era quem fazia a projeção. O carro chefe da programação era “A vida, paixão e morte de Jesus Cristo”. Todas as vezes que entrava em cartaz, era casa cheia.

Logo cedo entrou na escola da professora Zizinha Guimarães, educadora conceituada, e logo se destacou como o melhor aluno. O filho de Seu Antonio era estudioso! Com o tempo, a professora botou Chico para ensinar outros alunos. Com 11 anos não tinha mais o que apreender em Laranjeiras. Fez um teste, e foi considerado apto para entrar no ginásio.

O menino Chico, além de traquino, era muito religioso, puxador do terço na igreja, mostrando uma forte vocação para padre. Só que de onde ele morava, avistava-se a entrada hospital, a entrada e saída dos doentes. Aquele movimento, fez o menino mudar a cabeça para a medicina. Ali, Chico decidiu que seria médico. O pai adorou, a mãe nem tanto, preferia o filho padre.

Chico Rollemberg veio fazer o ginásio em Aracaju, no Colégio Tobias Barreto, do professor Alcebíades Melo Vilas Boas. Chico foi aluno interno do Colégio, absorvendo toda a disciplina. Ainda de calças curtas, com 11 anos, Chico Rollemberg chegou no Aracaju. Fez o curso ginasial com maestria. Concluído, migrou para o Atheneu, onde fez os dois primeiros anos do científico. No último ano, para se preparar melhor para o vestibular, concluiu o científico no Colégio Central da Bahia.

Em 1954, Chico Rollemberg ingressou na Faculdade medicina da Bahia. Vocacionado para a medicina, estudioso, Chico entrou de corpo e alma no curso. Chico não saia do hospital, tudo que era plantão, final de semana, feriado, lá estava Chico para aprender. Logo percebeu que tinha habilidades cirúrgica, e decidiu seguir a urologia. Uma decisão pragmática, pois em Sergipe só existia um urologista, o Dr. Costa Pinto.

Durante o curso de medicina, Chico participou do movimento estudantil na Bahia, sob a orientação ideológica do Velho Partidão. Ainda em Aracaju, na juventude, Chico tinha contato com os grupos clandestinos do Partido Comunista, em Aracaju. Calma, Chico não é comunista, daqui a pouco eu conto a participação dele na política.

Formado em 1959, Chico Rollemberg retornou à Sergipe. Bem formado, habilidoso e como muita disposição para trabalhar. Ele começou exercer a medicina em Laranjeiras. Foi um sucesso, quando o filho do Seu Antonio, chegava era um rebuliço, o povo corria para o hospital. Logo, com as ciumeiras locais, o diretor do hospital dispensou os serviços de Chico, e ele veio para a Aracaju.

Começou a operar na Capital nos dois hospitais existentes (Santa Izabel e Cirurgia), clinicar no Serigy, no IPASE, no Pronto Socorro Municipal, que funcionava nos fundos da antiga Prefeitura. Chico operava cinco a seis pacientes por dia. Constitui uma clientela imensa, gente com quem ele criou amizade, e que até hoje visita. Chico Rollemberg ficou famoso como bom médico, muitos favores, muito serviço prestado. Chico Rollemberg foi o primeiro sergipano a ingressar no Colégio Brasileiro de Cirurgiões. Antes só Augusto leite, como membro honorário.

Esse prestigio despertou os chefes políticos: olha aí quem pode trazer votos para as nossas legendas. Não se elege, mas ajudará a nossa chapa. Dito e feito. Nas eleições de novembro de 1970, Chico foi convidado a compor a Chapa da ARENA para deputado federal. Era só para ajudar. Resultado, foi o deputado federal mais votado de Sergipe, com 19 mil votos. Para se ter uma ideia da disputa, os outros federais eleitos foram Luiz Garcia, Raimundo Diniz, Passos Porto e Eraldo Lemos, todos da ARENA.

A partir dessa estreia, Chico Rollemberg elegeu-se deputado federal por 4 legislaturas, permanecendo na Câmara dos Deputados até 1987. Exerceu os mandatos no bloco de sustentação aos militares, numa bancada conservadora. Participou do movimento de apoio a Sílvio Frota e votou em Paulo Maluf, no Colégio Eleitora. Em 1973, fez o curso da Escola Superior de Guerra, destinado a pessoas de prestígio.

Vejam como são as coisas: o médico Chico Rollemberg, conservador, sempre deu assistência e visita até hoje, a família de Walter Ribeiro, um comunista de carteirinha. Ouvi um depoimento de um velho camarada: Chico Rollemberg sempre prestou a assistência aos camaradas, ia nas casas se precisasse, e nunca dedurou ninguém. Somando-se a uma postura ilibada na vida pública! Não é a ideologia que define o caráter.

Durante o exercício dos mandatos, Chico Rollemberg nunca abandonou a medicina, continuou trabalhando. Todo o final de semana, a partir da sexta, ele retornava à Aracaju para realizar as suas cirurgias. Aliás, até hoje, aos 84 anos, ele continua trabalhando no Hospital de Riachuelo. Ele sempre brinca, enquanto a mão não tremer, eu continuo operando. E para provar que está bem, mostra as mãos espalmadas, sem nenhuma tremedeira.

Mesmo sendo um médico operador, voltado para a prática, Chico Rollemberg não fechou os livros depois de formado. Continuou estudando, para se manter atualizado. Publicou Gangrena de Fournier, tratamento cirúrgico com enxertos livres (1961); Lesão cirúrgica do ureter (1969); Saneamento básico do Nordeste, Cocene, estudo nº.1 (1971); A problemática de saúde do Nordeste, Cocene, estudo nº.1 (1971); O potássio em Sergipe; Desenvolvimento e população e Osvaldo Cruz, centenário de nascimento.

Além de uma publicação sobre Fausto Cardoso, que se tornou referência aos pesquisadores sobre o ilustre sergipano. ROLLEMBERG, Francisco. Introdução. In: CARDOSO, Fausto. Discursos parlamentares. Brasília: Câmara dos Deputados, 1987. p. 19-112. (Perfis parlamentares, 31). Chico Rollemberg é membro da Academia Sergipana de Letras, ocupando a cadeira nº 15.

Em 1986, Francisco Rollemberg se elege Senador pelo PMDB, numa eleição disputadíssima. Em 2002, Chico Rollemberg se despede da política disputando o Governo do Estado, numa coligação confusa e heterogênea, sendo derrotado por João Alves Filho.

Chico Rollemberg casou em julho de 1959, com a colega de turma, Dra. Elcy Vianna Rollemberg. Chico é pai de cinco filhos: Francisco, Gustavo, Paula, Carlos Eduardo e Rodrigo Otávio. Com a morte da primeira esposa, Chico casa com Maria Helenita Santos Rolemberg, com quem convive até hoje.

Cheguei a conclusão que Chico Rollemberg, apesar de ser mais conhecido como político, tem a alma de médico, do antigo médico humanistas, que adora o que faz, que faz amizade com os doentes, que lembra do nome e das histórias.

Chico tem a mania de visitar os amigos, semanalmente. Quis saber o motivo, ele brincou: “os meus amigos estão velhos, quase todos doentes. Na verdade, cumpro uma obrigação cristã de visitar os enfermos.” Chico ainda viaja para o interior, só para visitar os amigos.

Chico Rollemberg é um homem fino, cuidadoso no trato, cheio de histórias interessantes. Chico tem a alma dos médicos antigos, voltada para o alívio do sofrimento humano. Não amealhou fortuna com a medicina (nem com a política).

PELO TWITTER

www.twitter.com/oMarioSousa Tudo ocorre no tempo de Deus. É assim que funciona.

www.twitter.com/frednavarro Tiros no carro de uma deputada. Piratas e queda de helicóptero na baía da Guanabara. Novo governador cheio de factoides. O Rio se prepara para o carnaval.

www.twitter.com/Antonio_Doria Para burlar o artigo 37-II a Moda agora é PSS @BlogClaudioNun

www.twitter.com/Pontifex_pt (Papa Francisco) Olhemos para nossas mãos, muitas vezes vazias de amor, e procuremos hoje pensar num dom gratuito que podemos oferecer.

 VIATURAS DO CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO ESTADO DE SERGIPE ESTÃO COM O LICENCIAMENTO ATRASADO, ALGUMAS DELAS DESDE 2016. CADÊ A FISCALIZAÇÃO? 

Siga Blog Cláudio Nunes:

Instragram

 Facebook

 Twitter

Frase do Dia
“Vocês perguntam: ‘Qual é a nossa meta?’ Posso responder numa única palavra: ‘Vitória!’ Vitória a todo custo, vitória apesar de todo o terror, vitória por mais longo e difícil que o caminho possa ser, pois sem vitória não há sobrevivência.“ Winston Churchill.

Comentários