O horário eleitoral é bom

0

 
O Brasil tem eleições a cada dois anos e nunca falha: basta começar a propaganda em rádio e TV para que se forme um senso comum contra o horário eleitoral.

Muitos defendem acabar com os comerciais eleitorais neste período. Acho um erro pensar assim. Até porque o problema desse sistema é mais o conteúdo e menos o modelo.

É claro que os comercias dos candidatos, em geral, são um lixo. Informam sobre quase nada. Os políticos se atacam mutuamente. Quem disputa a reeleição mostra na TV um mundo onírico. O céu é mais azul e os pobres estão sempre felizes.

Mas acabar com o horário eleitoral não resolveria o problema. Numa democracia, os políticos têm de se comunicar com seus eleitores.

Abrem-se então duas possibilidades. Manter o horário sendo pago com dinheiro público (as emissoras hoje são compensadas em grande parte pelo espaço cedido) ou criar um sistema no qual o candidato comprar seu tempo no rádio ou na TV.

Nos EUA, os políticos pagam para ir à TV. É mais caro para a sociedade. O abuso do poder econômico impera.

No Brasil, o tempo é dividido por meio de uma fórmula com base no tamanho da bancada de cada partido na Câmara. Aí está a anomalia na qual prosperam os políticos do aerotrem. Basta um deputado para ir à TV e ter seus candidatos convidados obrigatoriamente para debates. É um desserviço à democracia.

O horário eleitoral é bom na sua concepção, pois democratiza o acesso à TV. Só fica ruim porque trata desiguais como iguais e não estimula o debate. Nanicos teriam de ter uma exposição de fato mínima. Os principais candidatos teriam de debater ao vivo, de maneira regular.

Seria educativo assistir a confrontos apenas entre Dilma Rousseff e Marina Silva (e, vá lá, Aécio Neves), sem a intromissão dos sem voto. É curioso, embora compreensível, que ninguém ouse defender essa proposta em nenhuma campanha. (Fernando Rodrigues, FSP, deste sábado, 13)

Passeata
Na tarde da sexta-feira, 12, a coligação Agora Sim, liderada pelos candidatos ao governo, Eduardo Amorim, vice Augusto Franco Neto, ao senado, Maria do Carmo e a deputado federal, André Moura, realizaram uma grande caminhada pela região central de Aracaju. Os candidatos foram acompanhados por lideranças de todo Estado, amigos e eleitores. A concentração para o grande ato aconteceu na colina do Santo Antônio e seguiu em direção à Praça Fausto Cardoso.

Presenças
Também estavam presentes os candidatos aos cargos de deputados estaduais, Reinaldo Moura, Venâncio Fonseca, Capital Samuel, Dr. Vanderbal, Augusto Bezerra, Paulinho das Varzinhas, o empresário Albano Franco, o suplente da senadora Maria do Carmo, Ricardo Franco, o ex-deputado estadual Jorge Alberto além de diversos candidatos da coligação e lideranças do Estado.

Esquenta campanha: JB pede investigação de bens
E o candidato à reeleição, Jackson Barreto (PMDB), conclamou a Justiça Eleitoral a investigar a declaração de bens dos irmãos Amorim. Ele alertou que o senador mora num dos condomínios mais caros de Aracaju, o Park Ville e o empresário Edivan mora na mansão Luciano Barreto Junior. Os dois imóveis são avaliados acima de R$ 3 milhões cada um.

Jackson: “Investigar bens p/ saber quem é ficha suja e ficha limpa”
“Quero saber por que na minha declaração de bens à Justiça Eleitoral eu digo que moro numa casa na Atalaia e o meu concorrente Eduardo Amorim, mora no Park Ville, um dos condomínios mais ricos de Aracaju, e isso não consta na relação de bens que ele mandou para à Justiça? O irmão dele, Edivan Amorim, mora no condomínio mais rico de Aracaju, na mansão Luciano Barreto Junior, que não é menos de R$ 4 milhões, e isso não consta na relação de bens que ele declarou. Essas coisas precisam ser explicadas ao povo para saber realmente quem é ficha suja e ficha limpa”, cobrou Jackson, disse Jackson em entrevista a rádio Jornal AM.

Uso indevido da imagem de Marina
E o candidato a deputado federal pelo PV, Antônio Leite, resolveu apelar: está usando uma imagem de Marina Silva de 2010, quando ela era do PV e pediu votos para ele ao Senado, nas eleições deste ano. Uma falta de respeito e tentativa de confundir o eleitorado.

Trânsito no bairro Farolândia e adjacências
O vereador Max Prejuízo (PSB) promoveu na noite da quinta-feira, 11/9, uma grande reunião entre os moradores do conjunto Augusto Franco/Farolândia e a Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), representada pelo diretor de Planejamento e Sistema, Francisco Navarro e pelo diretor de Trânsito, capitão J Luiz.

Temas
Em pauta, junto com os moradores, foram discutidas soluções para abrigos de pontos de ônibus, circulação da Avenida Maria Pastora, semáforo da Avenida Heráclito Rollemberg, terminal Caju Bike e retorno em frente ao Banco do Brasil. Entre os temas discutidos, várias propostas apresentadas pelo vereador Max em nome da comunidade foram atendidas.

Turismo religioso
Na  quinta-feira, 11, na sede do Sebrae, a prefeitura de São Cristóvão aderiu ao Termo de Cooperação com a proposta de criação de um Plano Estratégico para fomentar o turismo religioso católico no município. Na ocasião estavam presente Frei Rosenildo Alexandre, da Paroquia Nossa Senhora da Vitória, a prefeita de São Cristóvão, Rivanda Batalha, e a gestora de turismo, Bianca Faria.

Visibilidade
O objetivo do projeto é dar visibilidade aos pontos e eventos turístico-religioso das cidades de São Cristóvão, Laranjeiras, Divina Pastora e Carmópolis. O levantamento do potencial de cada cidade ficará sobe a responsabilidade de Kater Filho, especialista em Marketing Religioso e membro do Instituto Brasileiro de Marketing Católico.

Gerentes do Banese recebem capacitação
A Diretoria de Crédito de Desenvolvimento do Banco do Estado de Sergipe (Banese) está realizando um treinamento sobre a concessão de crédito imobiliário. O objetivo específico da capacitação, que envolve os gerentes das 62 agências do Banese em Aracaju e no interior do Estado, é aumentar os negócios de financiamento imobiliário nas unidades.

Treinamento
Os gerentes das 19 agências da capital foram os primeiros a participar do curso, na manhã do último sábado, dia 6. O treinamento foi realizado no auditório do Centro Administrativo do Banese (CAB), em Aracaju, tendo como instrutoras as gerentes de áreas de Crédito de Desenvolvimento do Banco, Patrícia Lima Alves e Maria Luiza dos Santos.Nos próximos sábados, 20 e 27, serão capacitados os gerentes das agências do interior.

Segmento
Uma turma no dia 20 e a outra no dia 27. Os treinamentos dessas duas turmas também acontecerão em Aracaju. Segundo o diretor de Crédito de Desenvolvimento do Banese, Edson Caetano, o Banco do Estado, além de atuar no segmento empresarial da indústria da construção civil, também financia imóveis residenciais, com condições diferenciadas para servidores públicos e clientes que recebem salário através da instituição.

Bancários preparam ato para próxima segunda, dia 15
Os diretores do Sindicato dos Bancários de Sergipe (SEEB/SE) fizeram na manhã desta sexta-feira, dia 12, um balanço das últimas rodadas de negociações da Campanha Salarial 2014/2015 com a Fenaban e as ações da campanha em Sergipe. Os sergipanos estão se preparando para o Dia Nacional de Luta da categoria na próxima segunda, dia 15. Neste dia, o SEEB/SE realizará a manifestação às 9h30, na Travessa José de Faro, em Aracaju – área onde se concentram diversos bancos.

Diálogo
De acordo com o presidente do SEEB/SE, José Souza, o Comando dos Bancários aponta dificuldades no diálogo com a Fenaban nessa primeira fase dos debates. “Os negociadores da Fenaban disseram que os presidentes dos bancos apresentarão uma proposta global ao nosso Comando na próxima semana, dia 19”, informa José Souza.

Sergipe vai à convenção do comércio brasileiro
Sergipe estará com 30 convencionais participando da 54ª Convenção Nacional do Comércio Lojista, que será realizada este ano, de 17 a 20 de setembro, na Costa do Sauípe (BA), evento que vai reunir aproximadamente 4,5 mil lojistas de todo Brasil.

Organização
Organizado pela Confederação Nacional dos Dirigentes Lojista (CNDL), em parceria com as 27 FCDLs brasileiras e as 1.390 CDLs existentes no país, o evento envolve empresários de todo o território nacional e alguns países da América do Sul e conta sempre com um grande número de Lojistas inscritos em várias atividades, tais como: Palestras, Seminários com assuntos específicos, Painéis Informativos, Reuniões de Líderes e Exposições de produtos e serviços.

Varejo
A caravana sergipana já se organiza para participar da Convenção, como acontece todos os anos. A FCDL, que é presidida pelo empresário Gilson Figueiredo, destaca o momento especial em que vive o varejo brasileiro, “sendo uma boa oportunidade para trocarmos experiências, nos atualizarmos e assistirmos a importantes palestras.”, acrescenta.

Apoio Sebrae/SE
Com apoio do Sebrae/SE, os 30 lojistas sergipanos estarão representando os municípios de Aracaju, Itabaiana, Nossa Senhora da Glória, Poço Verde, Tobias Barreto e Lagarto. Na programação da Convenção Lojista constam nomes com vasta experiência na área motivacional e da economia, a exemplo do ex-ministro da Fazenda, Mailson da Nóbrega, Regiane Romana, Mário Panci, Arnaldo Jabor, Hugo Rodrigues, dentre outros. O encerramento do evento será marcado com o show da cantora baiana Ivete Sangalo.

Saúde mental e espiritualidade
A Associação Médico-Espírita de Sergipe, juntamente com a Associação sergipana de psiquiatria realiza de 9 a 12 de outubro, o I Congresso Norte Nordeste de Saúde Mental e Espiritualidade, a acontecer no auditório da faculdade Pio Décimo (rua de Estância) em Aracaju. De acordo com a Presidente da Associação Médico Espirita de Sergipe, psiquiatra Norma Oliveira, será um marco importante para a comunidade científica, pois ciência e espiritualidade se conectam e vêm a público disponibilizar suas conquistas a serviço da saúde integral, qualidade de vida, paz social e autêntica felicidade humana. Será um grande encontro tendo Jesus como referência magnânima na atualidade científica., concluiu.

Agenda
13 de setembro, sábado. Faltam 21 dias para o primeiro turno das eleições, que vai acontecer no dia 5 de outubro.
Divulgado o IBC-BR, que registrou a marca de 1,5 por cento. Número de novos empregos criados sugere recuperação da economia brasileira. O retorno da indústria é menor do que o de renda fixa. O Banco Santander, que perdeu seu patriarca, Emílio Botín, aos 79 anos, vítima de infarto, é o banco número 1 da zona do euro e o décimo-primeiro maior do mundo. Certidões negativas de débitos não serão mais exigidas no processo de fechamento de empresas. A nova norma foi publicada ontem no Diário Oficial da União. Cantareira (sistema de abastecimento de água) volta a ficar abaixo de 10 por cento de sua capacidade em São Paulo.

Curtas
DIREÇÃO DO PT VAI PROCESSAR MARINA SILVA. /// SENADO ARQUIVA CASO DO REPASSE DE PERGUNTAS DA CPI DA PETROBRAS. /// SE MARINA VENCER, O PMDB FARÁ OPOSIÇÃO NO INÍCIO, DIZ MICHEL TEMER. /// SUSPEITO DE INCENDIAR CASA DE TORCEDORA DO GRÊMIO É PRESO. /// LULA VAI COMANDAR ABRAÇO DE DESAGRAVO À PETROBRAS NA PRÓXIMA SEGUNDA-FEIRA. /// NOVA PESQUISA IBOPE: PRIMEIRO TURNO – DILMA, 39 – MARINA, 31 E AÉCIO, 15. SEGUNDO TURNO: MARINA, 43 E DILMA – 42.

ESPORTE  – O  ESPAÇO DO ALCEU –  por Alceu Monteiro

Vamos subir Dragão
A campanha do Confiança visando a retornar à série C do campeonato brasileiro terá um capítulo importante neste domingo. O time comandado por Betinho vai enfrentar, no Estádio Lacerdão, em Caruaru, o Porto local. Ostentando a posição de equipe mais eficiente, até agora, o grêmio proletário vai lutar para confirmar a liderança que ostenta. A delegação viajou ontem, após o almoço e hoje à tarde deverá realizar treinamento no campo do Central. Um grande número de torcedores seguirá, amanhã, logo cedo, rumo a Caruaru, a fim de prestigiar a agremiação do bairro Industrial.

Redução de pena
Bastante insólita a redução da pena aplicada por uma comissão disciplinar do STJD ao jogador Petros, do Corinthians. De 180 dias, a pena foi reduzida a três jogos de suspensão. O novo julgamento foi feito pelo pleno do STJD. Em nossa modesta opinião, houve exagero no primeiro julgamento e uma diminuição excessiva no segundo.

A furada do basquete
Depois de ótimas exibições e de uma “lavada” na Argentina, a seleção masculina de basquete decepcionou e acabou sendo eliminada do mundial realizado na Espanha.

O Império volta a atacar
A CBF quer controlar a imprensa esportiva. Não é possível que a ABRACE e as demais entidades envolvidas e que serão, seguramente, afetadas pelas medidas que poderão ser postas em prática, cruzem os braços diante dessa intolerável intromissão. Os clubes e as federações precisam atuar para combater o autoritarismo da CBF.

Robson Porto
Ex-goleiro de futebol de salão, no tempo de estudante do Ateneu, memorialista e comentarista especializado em futsal, Robson Porto é um grande entusiasta do nosso esporte, além de empresário da área de loterias. Robson é um arquivo vivo dos fatos ocorridos em nosso Estado nos últimos 50 anos, além de ser dotado de uma extraordinária memória.

PELO TWITTER

www.twitter.com/jsantana61 Muito oportuno nesses tempos de eleição: "Coloca, Senhor, uma guarda à minha boca; vigia a porta de meus lábios". (Salmos 141:3).

www.twitter.com/dimasroque  O Estado é Laico! Eu sou Cristão! Faça Amor e #MenosODIOMalafaia

www.twitter.com/WilliamFonseca  Arrisque-se… Arrepende-se muito mais quem não tentou do que quem não conseguiu. Perda de tempo é ficar parado.

www.twitter.com/gilbertotv  Aprendi amar e curtir a minha querida paulicéia desvairada q mesmo morando longe jamais consigo esquecer. Foram 25 anos da minha vida aqui.

www.twitter.com/frednavarro  Pessoas do povo andam com R$ 18 no bolso. Classe média, com R$ 180. Rico, com R$ 1.800. Mas só bandido anda por aí com R$ 180 mil.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Sindicato denuncia intransigência patronal
O presidente do Sindicato dos Empregados no Comércio de Aracaju e suas abrangências, Ronildo Almeida, critica a postura de alguns empresários do setor que estão criando um cenário ruim dificultando as negociações, mostrando insensibilidade para com os comerciários. Ele afirma que algumas bancadas patronais adotaram situações de arrocho salarial nos últimos dois anos; com a manutenção de pisos com valores irrisórios e salário mínimo, baseadas em um discurso de crise que não condiz com os resultados que as empresas locais têm obtido, inclusive por meio de incentivos dos governos federal, estadual e municipal. 
Um fator que tem gerado grande insatisfação entre os trabalhadores é a falta de reajuste e muitas vezes a ameaça de demissão. “A maldade se alastra no comércio. Empresários, apoiados por grupos políticos aliados, elegeram como seu principal adversário os seus empregados. Os comerciários ficam sem reajuste salarial e sem as devidas condições de trabalho, enquanto os patrões insistem em dificultar o processo de negociação para que tenhamos os avanços necessários. Todo ano é a mesma coisa, eles adotaram uma estratégia de discurso que fica apenas no campo da promessa de melhoria nas convenções coletivas que não são cumpridas”, critica Ronildo Almeida.

De acordo com o sindicalista as negociações são sempre marcadas por muitas dificuldades das bancadas patronais, submetendo os empregados do comércio a um processo de desgaste ao longo dos últimos anos, com descaso e ameaças. Ele afirma que parte dos empresários desconhece a importância da negociação coletiva para que haja o diálogo social no mundo do trabalho.

Exploração

“Não há um diálogo justo entre capital e trabalho. Para algumas bancadas patronais os trabalhadores nada valem, prova disso é que ao invés de sentar-se à mesa para discutir os problemas dos seus empregados, preferem contratar e gastar dinheiro com assessores que não têm sensibilidade, respeito e ainda desconhecem as dificuldades enfrentadas por uma categoria tão importante, mas que não é reconhecida”, declara o presidente do sindicato.

Ronildo acrescenta que os assessores dos empresários são incumbidos de driblar a lei com saídas imorais para negar reivindicações que permitem condições mais digna aos empregados.  “Algumas bancadas do comércio querem a manutenção de cláusulas perversas, criando ferramentas de exploração contra o frágil e explorado comerciário ao invés de negociar uma convenção coletiva de trabalho respeitosa”, disse.

Banco de horas

Empregados de alguns setores do comércio estão sendo submetidos a ganhar salário mínimo nos últimos anos. Outra questão que causa indignação aos comerciários é a tentativa por parte de alguns empresários de impor, segundo o sindicalista, a maior ferramenta de exploração: o chamado banco de horas. “Significa dizer que o trabalhador fará hora-extra e não receberá nada por isso. Essas horas de trabalho serão trocadas por um dia de folga, a critério do patrão, e muitas vezes essas horas são usurpadas”, afirma.

O Sindicato dos Empregados no Comércio vem recorrendo à Justiça e já conseguiu decisão contrária a empresa de concessionária de veículos – processo número 0002033-05.2013.5.20.0008. Ronildo Almeida acredita que outras decisões provenientes de ações impetradas pelo sindicato serão satisfatórias.

Apoio político

O sindicato quer saber qual o compromisso dos candidatos a governador de Sergipe, especialmente os que lideram as pesquisas eleitorais, Jackson Barreto e Eduardo Amorim, com os trabalhadores do comércio. “Não venham nos dizer que essa é uma questão dos patrões e seus empregados, porque isso é sair pela tangente, é se omitir”, disse Ronildo. “Nós queremos ver se o próximo governador ajudará a mudar esse quadro que, no momento, é atemorizante”.

O sindicalista reconhece que há exemplos bons no comércio, com algumas bancadas patronais que negociam uma convenção coletiva de trabalho decente. “Não podemos generalizar, apesar da postura de alguns setores em impor sacrifícios e exploração aos comerciários. Em alguns casos, conseguimos evoluir e chegar a um entendimento com sindicatos patronais”, admite.

Sindicato dos Empregados no Comércio de Aracaju

Blog no twitter: www.twitter.com/BlogClaudioNun  

Frase do Dia
“A luta pela paz inclui a luta pela liberdade e justiça para as massas de todos os países.” Arthur Henderson, político e sindicalista britânico, vencedor do prêmio Nobel da Paz em 1934, nasceu em 13 de Setembro de 1863 e morreu em 1935.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários