Partidos em excesso

0

Não é preciso ser profundo conhecedor da ciência política para apontar um detalhe que tem, ao longo dos últimos anos, sido uma espécie de barreira a impedir os avanços de nossa democracia. Trata-se, sem dúvida, do grande número de partidos políticos que, hoje, têm representação no Congresso Nacional. São 24 agremiações partidárias, a maioria absoluta delas completamente desprovida de qualquer sinal de ideologia, de filosofia, de um ideal programático que seja compartilhado pelos seus seguidores.

A maior parte dos seus integrantes pensa mesmo é em auferir vantagens pessoais. Até mesmo o PT – Partido dos Trabalhadores, o único surgido das bases, isto é, dos trabalhadores, dos servidores públicos, e que representava, desde sua fundação, o desfraldar de bandeiras emblemáticas que traduziam os anseios da população brasileira, foi abandonando, aos poucos seus compromissos antes inarredáveis, em busca da obtenção do poder.

A partir do final da década 70, a classe operária brasileira estruturava-se para criar um partido que, além das categorias supracitadas, também viria a motivar o engajamento, em seu projeto democrático-popular, de intelectuais, artistas e de figuras destacadas da vida nacional. É evidente que todo partido político visa a conquistar o poder. Para que isso fosse possível, o PT cedeu no que toca à formação de alianças políticas. Mas acabou exagerando na dose, porquanto as equipes de governo passaram a ser formadas com pessoas indicadas por agremiações que nada tinham, ideologicamente, a ver com o jovem partido.

Aos poucos, o “Modo Petista de Governar” foi mudando de rumo, com a participação de siglas cujo programa era um só: participar da divisão do bolo. Já são 28 anos, a serem completados em 15 de março, de existência da redemocratização do país, depois de 21 anos da mais recente ditadura, iniciada em março de 1964 e que somente teve fim em 1985, com a chamada Nova República, que decepcionou a nação. A retomada democrática só viria a acontecer depois da volta das eleições diretas, para governadores, em 1982 e para presidente da República, em 1989.

Evidenciando sua força, o PT, mesmo com várias de suas figuras importantes condenadas no processo do mensalão, saiu das urnas, em 2012, com um resultado positivo. Aumentou o número de eleitores em todo o país que depositaram seu voto nos candidatos da sigla, que, inclusive, obteve uma vitória excepcional em São Paulo, grande reduto do PSDB e, como todos sabem, uma peça importantíssima em qualquer eleição de caráter nacional, como a de 2014, para presidente.

É importante e emblemático que personagens do petismo, como Tarso Genro e Rui Falcão, respectivamente governador do Rio Grande do Sul e presidente nacional da agremiação, tenham se manifestado, recentemente, por uma reformulação da política partidária, procedendo a uma revisão dos erros cometidos no passado, e, de forma enfática, visando à revitalização da agremiação dos trabalhadores, sugerindo, para tanto, algumas medidas urgentes a serem inseridas na pauta do próximo encontro nacional.

Por fim, ambos defendem a tese segundo a qual o PT deve tratar com cautela qualquer medida que objetive confrontar o STF, no que foram acompanhados, de igual forma, pelo prefeito de São Paulo, Fernando Haddad que, em seu brilhante discurso de posse (de improviso), destacou que de cada grupo de 8 reais produzidos no país, 1 real representa a contribuição de São Paulo, a maior cidade da América Latina, que necessita, urgentemente, de medidas que se voltem para sua população menos favorecida.

Renovar o PT –  Eis uma meta indispensável neste 2013 que está começando. Lutar pela reforma política, de forma intransigente, é outra atitude que fortalecerá a democracia em nosso país.

Lixo: novos prefeitos preocupados com futuras punições
Os munícipios brasileiros tem até 2014 para implementar a coletiva seletiva e fechar os lixões. A falta de cumprimento da lei, implementada pela Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), trará punições. A lei prevê investimentos em  cooperativas de catadores, aumento  da coleta seletiva e assegura a destinação adequada do lixo não reciclável.

Em Sergipe, alguns novos prefeitos já começam dentro da lei
Em Sergipe, apenas o Centro de Gerenciamento de Resíduos Sólidos de Rosário do Catete está dentro das normas da atual legislação. Para lá já estão sendo encaminhados os lixos de Siriri, Carmópolis, Rosário, Riachuelo e São Cristovão. O Centro começa a receber agora o lixo de Divina Pastora e Socorro, um dos maiores municípios de Sergipe. Somente Socorro representa que uma média de três mil toneladas mês tenham destinação correta.

Anotem: João Alves vai  fechar o lixão da Terra Dura
O prefeito João Alves tomará uma decisão que vários prefeitos não tiveram coragem. A qualquer momento pode fechar o vergonhoso lixão da Terra Dura. Uma decisão que será aplaudida por toda sociedade. Com a estação de transbordo localizada na entrada da BR-235 com a BR-101 o lixo de Aracaju poderá ser destinado para o Centro de Rosário sem altos custos.

Adema e Prefeitura precisam fiscalizar surgimento de novos lixões
É preciso que a Adema e as prefeituras de Sergipe comprometidas com o meio ambiente se preparem para fiscalizar possiveis surgimentos de novos lixões por conta da proibição a partir do próximo ano. Lixo não é fácil de esconder. Uma punição severa as empresas e os responsáveis por jogar lixo em terrenos não adequados é o caminho correto.

A Foto do Ponto. Vereador Vardo com fone de celular usado na sessão
Depois do blog publicar na edição de ontem que o vereador Vardo da Lotérica (PP), mesmo querendo presidir a Câmara de

Vardo e o ponto (Foto:Jackson/Itnet)

Vereadores de Itabaiana sem condições nem de ler um termo de posse, estava usando um ponto eletrônico para receber o 'ditado' por assessores, alguns e=mails questionaram se algo tão absurdo poderia ser verdade.

A Foto do Ponto. Vereador Vardo com fone de celular usado na sessão II
E ai ao lado está a prova: em foto de Jackson da Itnet, Vardo está com um fone de ouvido de celular que funcionou como ponto eletrônico durante toda a sessão da última terça feira, 1°, que deveria ter servido para empossar vereadores, prefeito e vice, além de escolher a mesa diretora da casa.

Pressão popular foi importante
Ainda bem que, depois de todo o vexame, a pressão popular, com o povo ocupando as galerias da Câmara por três dias seguidos, serviu para que a maioria dos vereadores percebesse o risco que seria eleger alguém despreparado para um cargo tão importante como é a presidência de um Legislativo. E na última quinta, por 7 votos a 5, o vereador Zé Roberto foi conduzido ao comando da mesa, tendo como sua vice a vereadora Edilene, primeiro secretário o vereador David de Nem, e segundo secretário o vereador Roosevelt Santana.

Cinemark/SE: o sórdido artista
Não foi a primeira vez. Ontem, 04, o titular deste espaço e muitos outros cinéfilos foi assistir o filme premiado “O Artista” uma produção franco-belga que estava na programação do Cinemark, do Cine Cult, no único horário: às 14h. E na bilheteria foi informado que o filme só será exibido a partir do sábado porque tinha chegado atrasado e não deu tempo de “ser preparado”.

Cinemark/SE: o sórdido artista II
Não foi a primeira vez e nem será a última. O Cinemarl em Sergipe, por conta do monopólio não tem o menor respeito com os sergipanos.  O Cinemark presta um péssimo serviço em Sergipe. É uma vergonha! No cinema seria um sórdido artista que pensa apenas no lucro e não na arte.

Grande exemplo
O geólogo Eugênio Dezen, que acaba de ser transferido para o Rio de Janeiro, prestou, durante mais de uma década, importantes serviços ao nosso Estado. Dirigente classista altamente competente, participou, de forma singular, dos movimentos encetados pela AEPET – Associação dos Engenheiros da Petrobras, em defesa da preservação das riquezas minerais do país, com destaque especial para a área do petróleo, antes de tornar-se, com muita justiça, o superintendente regional da empresa estatal petrolífera.

Grande exemplo II
A atuação de Eugênio Dezen serve de exemplo para todos aqueles que exercem cargos importantes na administração de empresas, quer estatais, quer privadas. A partir de agora, o citado integrante da família Petrobras exercerá suas atividades ocupando uma diretoria na sede da instituição, no Rio de Janeiro. Sem dúvida, um exemplo emblemático de cidadão que se dedica às legítimas causas do povo brasileiro. Dezen deu uma contribuição inestimável ao desenvolvimento de Sergipe durante os últimos dez anos, à frente da Petrobras.

Trios elétricos no “queijo suiço”. Decisão Acertada
Alguém tem duvida que aquela parte da 13 de Julho onde a maré vem tomando conta diariamente embaixo existe um queijo suiço, cheio de buracos pronto a provocar um grande estrago?  O ex-prefeito Edvaldo chegou a apresentar um projeto, no valor de R$ 5 milhões e disse que iria em busca de recursos em Brasília, mas não obteve sucesso.

Trios elétricos no “queijo suiço”. Decisão Acertada II
No programa eleitoral gratuito, João Alves apresentou também um projeto como solução para o problema. Não importa qual o projeto é melhor, o mais importante é resolver o problema antes que parte da pista venha abaixo. A decisão do prefeito em proibir a passagem de trios elétricos pela pista ao lado da balaustrada foi acertada e de nada prejudica o Pré-Caju.

Final do Pré-Caju mudou. Acaba agora em frente ao Ville de Paris
Com a mudança, a concentração dos blocos começa após o posto Aracaju e segue o trajeto normal. O final foi estendido: ao invés de acabar em frente ao Camarote Aju vai até a frente do condomínio Ville de Paris.

Energia: Valadares Filho destaca benefícios da redução
O deputado Valadares Filho (PSB) destacou os benefícios que a aprovação do Projeto de Lei de Conversão (PLV) nº 30, de 2012, trará para o desenvolvimento da economia brasileira este ano. “O principal objetivo dessa proposição é baratear o custo da conta de luz, seja para os industriais do Sudeste, seja para o camponês do interior do Nordeste”, disse o deputado sergipano.

Alto custo da energia elétrica
 Valadares Filho disse ainda que faz algum tempo que o alto custo da energia elétrica no Brasil o preocupa. “Com o objetivo de ajudar a reduzir o custo das tarifas, apresentei, no início deste ano, projeto de lei que propõe a redução do PIS/Cofins incidente sobre a conta de luz”.

Resultados positivos
Para o deputado, trata-se de uma medida necessária que proporcionará resultados positivos para o Brasil. “Entendemos que é uma medida ousada, mas que tem como objetivo final a promoção do desenvolvimento econômico nacional”, finalizou o parlamentar.

PGE discute análises da STN
Nesta sexta-feira, 04 de janeiro, na sede da Procuradoria Geral do Estado- PGE -, foi realizada reunião técnica com a presença do Procurador-Geral, Márcio Leite de Rezende, do Procurador André Meira, lotado em Brasília, de representantes da SEFAZ e da SEPLAG para decidirem, em conjunto, a resposta do Estado de Sergipe em relação aos óbices criados pela Secretaria do Tesouro Nacional (STN), nas análises dos pedidos de obtenção da garantia da União e realização de operações de crédito formulados pelo Governo do Estado.

Decisões
Na últimas semanas de dezembro do ano passado, a PGE conseguiu, junto ao Supremo Tribunal Federal, duas importantes decisões que permitem o prosseguimento da análise dessas operações de crédito pela STN, obstacularizadas em razão de suposto descumprimento, pelo Tribunal de Contas do Estado, do limite de gasto com pessoal imposto pela Lei de Responsabilidade Fiscal. A primeira, deferida pelo Ministro Ricardo Lewandowski (ACO 1105), e a segunda, já no recesso, pelo Ministro Joaquim Barbosa, Presidente do STF (ACO 2077).

Operações
Com essas decisões, a PGE proporcionou a continuidade do processo de análise dessas operações de crédito, fundamentais ao desenvolvimento econômico e social do Estado. O grupo técnico do Estado encaminhará expediente à STN, solicitando a conclusão urgente da análise dessas operações.

Emendas para o setor da Saúde
Estudo realizado pelo Senado apontou que a saúde foi o setor que recebeu o maior número de emendas de despesa para a proposta orçamentária de 2013 (PLN 24/12). O senador Eduardo Amorim (PSC) tem autoria em duas emendas para estruturação de Unidades de Atenção Especializada e Básica no Estado de Sergipe as duas somam R$ 3,5 milhões e outra para o Hospital do Câncer. Para ele das 8.298 emendas apresentadas pelos parlamentares no mês passado, 2.428 se destinam a esse setor, ou seja, 30% do total. “Se aprovadas, essas emendas podem representar um adicional de R$ 12, 2 bilhões”, informou Amorim.

São Cristovão: Prefeita contrata carros pipas
Para amenizar a difícil situação do município de São Cristóvão, que vive problemas ante a falta de agua, a prefeita Rivanda Batalha determinou, em caráter de urgência, a contratação de carros pipas para abastecer a população. Amanhã, sábado, 05, às 10h, inicia-se a distribuição do líquido gratuitamente às áreas mais afetadas.

Máquinas
Os veículos deverão estar no município neste final de semana e a expectativa é a de que os problemas diante da falta d’água sejam minimizados. “Já determinamos também a compra do rotor para fazer as bombas funcionarem, embora esse maquinário só se encontre fora de Sergipe”, diz Rivanda.

40 dias sem água
A falta de agua em São Cristóvão já se arrasta por mais de 40 dias. Na gestão passada, houve falta de planejamento nas ações para a compra do maquinário e a população sofre por um longo período. O atual gestor do abastecimento de agua no município, José Augustinho, diretor do SAAE, espera resolver o problema em 10 dias.Atualmente grande parte da população está sendo abastecida na comunidade “Biquinha”, onde existe um minador brotando agua da natureza. As pessoas pagam carroceiros e outros tipos de transporte para terem acesso ao líquido precioso.

Canindé: convocação dos servidores municipais a comparecerem aos órgãos de origem
O Prefeito de Canindé de São Francisco assinou um decreto onde convoca todos os servidores municipais efetivos a comparecerem ao local de trabalho para o qual fizeram o concurso. Foi detectado que vários destes estão em “desvio de função”. Situação em que o servidor não está exercendo a função original para o qual fez concurso e que lhe foi destinando uma outra atividade.

Prazo de 10 dias
Segundo o decreto os servidores “cedidos e/ou requisitados para outros órgãos públicos que se apresente no prazo de 10 (dez) dias a partir da publicação deste em seus órgãos e secretarias de origem da administração pública municipal de Canindé de São Francisco/SE sob as penas da lei que rege” o estatuto do servidor público municipal.O objetivo é atualizar a base cadastral dos mais de 1.000 servidores públicos efetivos que existem em atividade no Município.

Retorno
A Cosil começa 2013 com pique total e tem a previsão de lançar até o final do ano cinco empreendimentos nas praças onde atua. Outra boa notícia é que 2 mil unidade devem ser entregues em Aracaju e Recife. Sem dúvida, mais uma temporada de crescimento consciente e planejado, respeitando clientes, parceiros e colaboradores e investindo sempre em boas práticas.

Última edição impressa
Com data de capa de 31 de dezembro de 2012, está circulando, em todo o mundo, a última edição impressa da revista norte-americana NEWSWEEK. A referida publicação, uma das mais populares de todo o planeta, foi inaugurada em 1933. Chegou, portanto, à marca de oito décadas, ou 80 anos. O editorial da última edição – A NEW CHAPTER – (Um Novo Capítulo), escrito por Tina Brown, é introduzido pela frase “Às vezes, mudar não é exatamente bom, é necessário”. Na primeira edição de janeiro de 2013, a revista terá exclusivamente sua edição eletrônica, e, portanto, estará à disposição do grande público através do iPAD, ou KINDLE, ou do celular. Os assuntos focalizados em sua primeira edição impressa, em 1933, foram as eleições, a Depressão e Hitler. Na última edição, com chamada de capa LAST PRINT ISSUE – Última Edição Impressa, uma interessante retrospectiva da trajetória do importante veículo de comunicação, um dos mais conhecidos em todo o mundo.

Campeão absoluto
O ministro Marco Aurélio de Mello foi o grande campeão em número de processos concluídos no STF. Em segundo lugar, ficou Dias Toffoly.O presidente atual, Joaquim Barbosa, não é muito bom, nesse ranking.

Futebol
Milan abandonará todo jogo em que houver racismo, diz Berlusconi. /// Valdívia atrasa reapresentação ao Palmeiras, e clube fala em punição. /// Alexandre Pato recusa bônus, mas terá lucro em futura venda. /// Transação entre Milan e Corinthians envolveu 40 milhões de euros, valor correspondente a 100 milhões de reais. /// Júnior Negão estreia na seleção brasileira de beach soccer como técnico. Como atleta da modalidade, marcou 318 gols em sua carreira. /// River Plate e Confiança inauguram hoje novo estádio em Carmópolis, no povoado Aguadas. /// Equipe sub 19 do Dragão estreia hoje na Copa SP de futebol júnior, enfrentando, em Barueri, o Palmeiras. /// O Guarani de Porto da Folha dá a largada na competição amanhã, diante do Lemense. /// FSF pretende realizar grande festa na abertura do campeonato sergipano de 2013. /// Ronaldo Angelim, zagueiro ex-Flamengo, já é do Fortaleza. /// NATAÇÃO – A grande nadadora sergipana SARAH MARQUES transfere-se para o Paraná . Seu maior sonho é conquistar uma vaga na equipe brasileira que vai disputar as Olimpíadas de 2016.

Curtas
Morre menina atingida por bala perdida na noite de Natal. /// Governos definem ações para combater danos causados pela chuva no RJ. /// Governo fluminense vai pagar auxílio de 5.000 reais a 300 famílias atingidas em Xerém. /// Governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, afirma que houve sabotagem no episódio da pane que paralisou linha da CPTM. /// Família brasileira é presa portando cocaína, em Madri. /// Haddad enfrenta primeiro protesto e entrada da prefeitura paulistana é fechada. /// Restaurante japonês sofre arrastão em São Paulo. /// DILMA apela para manobra contábil inédita para engordar superávit. /// 2013 terá quatro feriados no fim de semana. /// Em entrevista na TV, novo prefeito de Aracaju afirma que o Plano Diretor foi feito para atender ao interesse de fortes grupos econômicos e que cumprirá promessa de campanha de anulá-lo. /// Faltou, contudo, citar quais seriam os referidos grupos. /// Sistema de pagamento do IPVA tem muitas novidades neste novo ano. /// Aracaju passará a ter cinco novas secretarias municipais. /// Estabelecida polêmica sobre as dívidas deixadas por Edvaldo Nogueira. /// Ex-prefeito foi acusado de ter mentido pelo secretário Carlos Batalha.

PELO TWITTER

www.twitter.com/ProfBITTENCOUR  Em alguns setores da nossa imprensa as canetas tiveram a tinta trocadas por bílis. E alguns discursos saem direto do intestino!

www.twitter.com/chicoandradef  Um dos maiores erros do homem é a pressa antes do tempo e a lentidão diante da oportunidade.Bom dia.

www.twitter.com/cristiangoes  Qual foi a dívida que João deixou para Déda? qual a que Déda deixou para Edvaldo? Quanto deixará Déda em 2014? É assim mesmo.

www.twitter.com/SergipeNoticias  Impressionante: Aracaju tem hoje quase 2 milhões de cartões do SUS e uma população de 600 mil habitantes. Como pode???

www.twitter.com/ffariajr  Quer dar a volta ao mundo sem gastar muito? Leia um livro. Bom dia!

www.twitter.com/Kristianoprado Comenta-se que colchões, bolas, uniformes e caixas de sucos sumiram no final do ano de um grande (município) de Sergipe. Será???????

DEBATE: FINANÇAS PREFEITURA DE ARACAJU – Carlos Batalha, Lucimara Passos, réplica e tréplica.

Carlos Batalha rebate acusações da vereadora Lucimara Passos
O secretário Municipal de Comunicação, Carlos Batalha, nega que acusações da vereadora Lucimara Passos, do PC do B, sejam fruto de qualquer tipo de factóide político. De acordo com o secretário, não se trata de números imaginários, mas de uma apuração feita pela contabilidade da Prefeitura Municipal de Aracaju. “Hoje existe uma dívida apurada, ou seja, empenhada e não paga em 2012 pela PMA de R$ 80 milhões, que se refere à dívida oficial. Os outros R$ 40 milhões são referentes a multas e ações judiciais, além de alguns fornecedores e credores que alegam que a prefeitura tem débito com eles”, informa.
Efetivamente o valor que foi deixado em caixa pela gestão do ex-prefeito Edvaldo Nogueira foi de R$ 3 milhões. Mas algumas secretarias estão com o caixa zerado, “a exemplo da Secretaria da Saúde que não tem dinheiro nem para comprar uma injeção”, assegura o secretário.
De acordo com a vereadora, a previdência possui um caixa de R$ 200 milhões. Esta informação é confirmada por Carlos Batalha. “É verdade sim que este valor existe, mas a vereadora deveria saber que desse valor, a prefeitura é meramente depositária, pois é um valor exclusivo para o benefício dos servidores. E só podem ser retirados a medida que se aposentam, caso contrário é crime e configura-se apropriação indébita”,  esclarece.
No programa de rádio matinal, Lucimara Passos também informou que existem recursos na ordem de R$ 50 milhões para obras. O secretário de Comunicação diz que existe, mas é importante esclarecer a população que este valor é específico para uso, ou seja,“estes recursos são oriundos de empréstimos veiculados a essas respectivas obras e só podem ser usados, única e exclusivamente para elas”, afirma.
Além disso, dois convênios foram devolvidos por faltarem declarações de adimplência referente a precatórios, são eles um que seria para a pavimentação da Veneza no valor de R$ 700 mil e outro para a construção de um CRAS na ordem de R$ 350 mil. “São obras de um valor que não podemos nos dar o luxo de perder para o benefício da população que foram cancelados por falta de pagamento e isso não pode ser negado, nem escondido, muito menos ser transformado em factóide político”, assevera Carlos Batalha.

Vereadora Lucimara (PCdoB) contesta acusações de secretários Carlos Batalha e Nilson Lima            

A vereadora Lucimara Passos (PCdoB) desqualificou as denúncias feitas pelos secretários Carlos Batalha e Nilson Lima em relação à real situação das finanças da Prefeitura Municipal de Aracaju (PMA). A parlamentar considerou as afirmações feitas pela equipe do prefeito João Alves Filho (DEM) equivocadas. “Eu contesto todas essas informações.  São factoides. Se eles quiserem me desmentir não segurem a publicação, publiquem logo os balancetes e os extratos.  Se o prefeito Edvaldo Nogueira é mentiroso e eu estou mentindo antecipem essa publicação dos saldos bancários que terá de ocorrer de qualquer forma”, destacou.

Segundo Lucimara, todas as denúncias em relação à dívida deixada pela PMA não passam de especulações. A vereadora enfatizou que o cenário encontrado na prefeitura por João Alves Filho (DEM) diverge da apresentada pelos seus secretários. “O então Prefeito Edvaldo Nogueira passou o comando da Prefeitura de Aracaju ao Prefeito João Alves Filho com todas as certidões regulares, cerca de R$ 270.000.000,00 em caixa (recursos da previdência e para continuidade das obras e serviços) e cumprindo todos os itens da Lei de Responsabilidade Fiscal conforme comprova a consulta efetuada ainda esta semana no Cadastro Único de Convênios (CAUC) do Governo Federal”, ressaltou.

Números – Lucimara esclareceu ainda que o encerramento do exercício é um processo demorado e que o prefeito João Alves Filho e equipe têm até o final do mês de janeiro para publicarem os demonstrativos. “O que é fato: é fato que o prefeito João Alves é obrigado por lei a publicar os demonstrativos do mês de dezembro e de 2012 até o final do mês de janeiro de 2013. Esses demonstrativos têm que ser – necessariamente – publicados, e toda especulação, que só atende aos objetivos políticos da atual gestão, se encerra e a verdade aparece”, afirmou.

A vereadora lembrou também que é natural que restem dívidas para outros gestores porque existem contratos de serviços continuados. “É natural que ainda existam dívidas, pois a prefeitura conta com alguns serviços que não podem parar, não param. A administração pública não pode parar na sucessão de gestão”, disse.

“Até agora não vi ninguém da atual gestão falar do dinheiro que ficou em caixa para dar continuidade às obras e aos serviços. Edvaldo deixou 200 milhões no caixa da previdência, 50 milhões em caixa na Fonte 00 e 100 milhões conveniados e contratados com o governo federal, além de alguns milhões para a continuidade dos serviços e do custeio. Também não existem quaisquer impedimentos ao recebimento de recursos por meio de convênios, prova disto, é que somente no mês de dezembro o município recebeu mais de R$ 2.700.000,00. Estas informações são públicas. Qualquer cidadão pode ter acesso a elas através do Portal da Transparência do Governo Federal. Não adianta especular.”, completa a vereadora.

"Estão tentando desgastar a imagem do gestor e do político Edvaldo Nogueira na clara intenção de justificar as inúmeras promessas de campanha que não serão cumpridas, pintar o quadro pior do que é, pode transformar-se num álibi para ineficiência da atual gestão. ", finaliza Lucimara.

ARTIGO

Para refletir… São Cristóvão e a sua nem tão nova realidade política      Por Lays Millena

Tenho um carinho especial por São Cristóvão. Não nasci na quarta cidade mais antiga do Brasil, mas morei lá desde as primeiras horas de vida até os 18 anos. Acompanhei alguns avanços e retrocessos, pilantragens, boas ações e outros aspectos que fazem parte de uma administração. Testemunhei a euforia da população com o ex-prefeito Alex Rocha, considerado, há quatro anos, a grande solução para as mazelas do município sofrido. Que nada! A decepção foi muito maior que o voto de confiança. Alex, que é uma pessoa excelente, não aproveitou a chance que tinha nas mãos e trouxe ainda mais problemas para São Cristóvão.

O desgaste foi tanto que ele mesmo percebeu que não havia mínimas condições de disputar a reeleição. Lamentável. Agora, a cidade inicia um novo ciclo. Aliás, nem tão novo assim. A prefeita Rivanda Farias é a atual administradora, mas o esposo dela, Armando Batalha, já foi prefeito da cidade e todos sabem que ele era o candidato no lugar dela até menos de 24 horas para a realização do pleito. Rivanda tomou posse, mas a população sabe que Armando estará sempre na sombra dela, tomando decisões e atuando de forma enérgica. Torço para que, desta vez, dê certo.

A primeira mulher a administrar o município não pode decepcionar os sãocristovenses. Espero que trabalhem com garra e compromisso. Espero que não arrasem os cofres do município, mas que utilizem as verbas para dignificar esta cidade, que vem sendo tão maltratada ao longo dos últimos anos. A esperança se renova. São Cristóvão não pode mais esperar. Rivanda e, por tabela, Armando, têm o voto de confiança do povo. A decisão é deles. Fazer um bom trabalho ou repetir a canalhice que se instalou na cidade centenária? Eis a questão…
(http://lays-millena.blogspot.com.br/2013/01/para-refletir.html)

DO LEITOR

Reflexões sobre a nova cara da política de Aracaju
E-mail de J. Henrique: “a eleição para composição da mesa da Câmara Municipal de Aracaju nos faz refletir sobre diversos rumos da política de nossa capital: A eleição da mesa diretora da CMA foi conduzida com maestria pelo Prefeito João Alves, conseguindo inclusive cooptar vereadores de partidos oposicionistas históricos, a exemplo do PT e do PCdoB. Nas palavras do vereador Iran, esse apoio contrariou inclusive determinações expressas da direção nacional do seu partido. Ressaltamos que apenas dois vereadores se abstiveram de votar na chapa apresentada pelos DEMOCRATAS, o Professor Iran do PT e Agamenon do PP, que contraditoriamente apoia o Prefeito João Alves. Se apenas os dois citados se abstiveram de votar, concluímos que o PCdoB, através da vereadora Lucimara, não apenas votou como apoiou a nova direção da CMA, logo apoiou o Prefeito João Alves.se apoiou o Pref João Alves, como divergir dos números apresentados pelo secretário de comunicação Batalha em relação as dívidas deixadas pelo ex prefeito Edivaldo Nogueira?”

João começa os seus governos sempre chorando
Do leitor Messias Gonçalves (mameangon@bol.com.br): “Sergipe lembra quando o então governador e atualmente senador Antônio Carlos Valadares entregou o governo ao atual prefeito da capital, João Alves, a equipe do recém empossado propagou aos quatro cantos, segundo as suas análises, de que recebera o estado em situação precária. Agora ao assumir a prefeitura de Aracaju, os secretários Carlos Batalha e Nilson Lima, vêm com a mesma ladainha.
Os dois e mais alguns que queiram macular a imagem do ex-prefeito é bom refrescarem as suas memórias, para lembrar como eles deixaram o estado em 2006, quando Marcelo Déda assumiu o governo em janeiro de 2007. O estado sem certidões para ao menos contrair empréstimos e convênios.
Não tenho autorização para defender Edvaldo Nogueira, mas seria mais prudente começarem a trabalhar para poder tentarem cumprir todas as promessas, que passaram para população, como “solução” para tudo.
A sociedade é esclarecida e sabe que todas as prefeituras e os governos estaduais passam por dificuldades, por conta das medidas econômicas adotadas pela presidente Dilma, visando amenizar os reflexos aqui no Brasil, da grave crise que passam muitos países no mundo. Ao mesmo tempo em que concedeu redução nas alíquotas de alguns impostos, no outro lado, isso reflete nos repasses constitucionais como FPE e FPM.
Mesmo assim, como saiu em defesa à vereadora Lucimara, Edvaldo deixou em caixa cerca de R$ 270.000.000,00, no fundo previdenciário da prefeitura e parte assegurado para a continuação de obras e serviços. Disse ainda que a situação com as certidões estão livres, e demonstrou que somente no mês de dezembro de 2012, a prefeitura recebeu mais de R$ 2.700.000,00 de convênios assinados. Quem conhece a administração pública, sabe que se as certidões não estiverem “negativas”, não há como poder público obter tais benefícios.
É visível a queda desses repasses. E isso está contribuindo para que as administrações públicas passem por problemas com fornecedores e até com as folhas de pagamento dos seus funcionários. É também lamentável, quando essas informações distorcidas e fora da realidade, vêm de pessoas cultas e inteligentes, conhecedores da situação.
Não é bom para a sociedade que deu esse voto de confiança, na esperança de ver realizações, e não plantarem desculpas, talvez para justificarem quando a população começar a cobrar as “soluções”, já que foram tantas.
E ainda dizem que não costumam olhar para o retrovisor. O passado deles também tem lacunas que o povo jamais esquecerá. Vão trabalhar que é o que o povo deseja, espera e quer. Boa sorte em nome dos que acreditaram que “todos” os problemas de Aracaju serão solucionados”.

Blog no twitter: www.twitter.com/BlogClaudioNun

Frases do Dia
Nem todas as verdades são para todos os ouvidos.

O riso é a fraqueza, a corrupção, a insipidez da nossa carne.

Umberto Eco, escritor e filósofo italiano, nasceu em 05 de Janeiro de 1932.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários