Transporte clandestino

0

Desde segunda-feira entrou em vigor a Lei no. 13.385, que amplia as penalidades do transporte clandestino de passageiros, isto é, transporte remunerado, sem regulamentação. Publicada no Diário Oficial da União no dia 8 de junho, a Lei alterou o Código de Trânsito brasileiro e passa agora a considerar infração gravíssima, o transporte “pirata”. Qualquer motorista que realizar transporte remunerado de pessoas sem que esteja regulamentado por lei, deverá ser multado com a infração gravíssima e perda de sete pontos na Carteira de Habilitação, além da remoção do veículo. A mudança que inclui motoristas de aplicativos que realizam o transporte remunerado em cidades onde não há autorização, como Aracaju, bem como inclui serviços não licenciados como mototáxis e fretamento por vans, carros ou ônibus. O valor da multa que era R$ 130,16 passou para R$ 293,47. A infração mudou de média 14 pontos para gravíssima (7 pontos). No caso de transporte escolar, a multa é multiplicada por cinco com valor de R$ 1.467,35. Órgãos gestores de transporte e trânsito de todo o País já estão colocando em prática o novo rigor da fiscalização do transporte clandestino que, por não ser um transporte regulamentado, não dispõe de medidas seguras nos veículos, nem na forma de conduta dos seus respectivos motoristas, além de não fazer parte do planejamento urbano para o desenvolvimento da cidade e geralmente atua apenas em localidades de interesse de lucro particular.

O Ministro mais mal-amado

No Roda Viva da TV Cultura na última segunda-feira, o Ministro do Supremo Tribunal Federal, Sr. Gilmar Mendes, provou mais uma vez porque é o integrante do Supremo Tribunal Federal mais odiado do País. Arrogante e petulante, Gilmar Mendes vomitou argumentos contra a Lava Jato, da qual ele é contra desde o começo. Gilmar Mendes nunca mais…

Inaugurado o simpósio

O 2º Simpósio sobre a Constituição Estadual foi aberto ontem pela manhã no auditório do Tribunal de Justiça, na presença de muitas autoridades. Com o auditório plenamente tomado, o Presidente da Assembleia, deputado Luciano Bispo, deu início ao Simpósio passando a palavra ao Dr. Carlos Augusto Alcântara Machado, Procurador de Justiça e Professor Universitário. Foi dito na ocasião que em 30 anos de vigência, completados no último dia 5, a Constituição sofreu apenas 30 e poucas emendas.

Livro Pensadores Contemporâneos

O meu amigo, economista e escritor Lion Schuster lançará o seu segundo livro, ”Pensadores Contemporaneos”, no próximo dia 22 de outubro, as 17h, no Museu da Gente Sergipana.. O livro narra as memórias de Carlos Cruz, que foi Advogado e agora está aposentado pelo Tribunal de Contas do Estado. O livro conta sobre sua trajetória de vida, sua profissão, família, poesia e pensamentos. O livro aborda também a sua trajetória profissional, além de também ser pecuarista. É conhecido por ter o melhor plantel do estado da raça Nelore. O livro de Lion Schuster não narra só sua história de vida, mas a importância e a sua influência direta e indiretamente para fomentar a política e a cultura de Sergipe.

Tecnologias digitais

As tecnologias digitais já se tornaram imprescindíveis para quem deseja ter sucesso na gestão de um negócio. A prova disso são os números de uma pesquisa realizada pelo Sebrae, que revelam a utilização da internet por 91% dos empreendedores sergipanos no ambiente de trabalho. Além disso, 66% deles já fazem uso do whatsApp para se comunicar com os seus clientes, 42% utilizam o instagram e 38% possuem página da empresa no Facebook. Atento a esse cenário e buscando atualizar e motivar os pequenos negócios a usar o marketing digital,como aliado, seja para a comercialização de produtos e serviços, promoção de marca ou o relacionamento com os diversos públicos é que o Sebrae promoverá nos dias 8 e 9 de novembro no Hotel Confort, o Reload Sergipe. O Seminário reunirá especialistas nacionais e locais para debater diversas temas do universo do marketing digital, além de apresentar cases. As inscrições para o evento já estão abertas e podem ser feitas pelo site sebraesesergipe.com.br.

Veio da Venezuela?

O petróleo bruto que está chegando nas praias do Nordeste brasileiro – e o Estado mais afetado parece ser mesmo Sergipe – parece vir da Venezuela. A Petrobras analisou mostras das borras de óleo nas praias nordestinas e chegou a conclusão que o óleo é mesmo venezuelano. Mas, ainda tem muitas perguntas para serem respondidas.

Comentários