É para levar a sério?

0

Ninguém está levando muito a sério esta história do empresário Walter Franco ter se lançado pré-candidato a prefeito de Aracaju. É que ele não conversou com ninguém do seu partido, o PMDB, e depois de jogar a noticia no ar pela sua TV Atalaia, viajou ao exterior: foi passar a Semana Santa na Europa. Foi impossível um contato com ele. Apelidado agora de “jóia da coroa” – a frase está num artigo escrito por um professor universitário e publicado no jornal da Adufs – Walter Franco quer ser vice de Marcelo Déda, embora, até agora, o PMDB esteja na base aliada do governador João Alves. Segundo alguns membros do partido, não é intenção do PMDB, pelo menos no momento, fazer uma aliança com o PT. Para tanto, é preciso conversar – “gastar muita, muita saliva”, diz um partidário – para que uma aliança do PMDB com o PT flua normalmente. Quanto à candidatura de Walter Franco muitos estão interpretando como uma brincadeira. “Uma bomba de São João que deu chabú”, garantiu um prefeito peemedebista. Por Ivan Valença

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais