Orquestra Sinfônica vai executar série inédita em Sergipe

0

Na próxima quarta-feira, 28, a Orquestra Sinfônica de Sergipe (Orsse) dá continuidade à sua temporada de concertos 2011. Mantida pela Secretaria de Estado da Cultura (Secult), a orquestra apresenta a quarta edição da série Mangabeiras no Teatro Tobias Barreto, às 20h30, com ingressos a preços populares, R$ 15 reais inteira e R$ 7,50 a meia entrada.

Para este concerto, a Orsse traz, pela segunda vez, o professor Doutor de Piano da Universidade de São Paulo, Eduardo Monteiro. Considerado um dos grandes expoentes do piano brasileiro e premiado nos principais concursos de piano nacionais e internacionais, o músico executará o Concerto para piano e Orquestra n. 4 em Sol maior, Op. 58, de Ludwig van Beethoven.

Sob regência do diretor artístico e maestro titular, Guilherme Mannis, a Orsse apresentará também pela primeira vez uma das grandes obras do século XX, a Sinfonia n. 5 em ré menor, Op. 47, do compositor russo Dimitri Shostakovich. Nesta obra Shostakovich expõe as contradições do regimento de Stalin e exalta a predominância do espírito humano acima de qualquer ideologia política.

Finalizando o repertório, a orquestra sergipana apresenta a Abertura da ópera Euryanthe, do alemão Carl Maria von Weber. Seu enredo, repleto de intrigas, gira em torno dos problemas amorosos de Adolar e Euryanthe, e o ciúme de Lysiart e Eglantine contra eles, longe de ser superado.

Para o maestro Guilherme Mannis, a palavra-chave desse concerto é pioneirismo. O repertório vibrante, que mescla uma importante obra russa do Século XX ao quarto Concerto para Piano de Beethoven, que é uma de suas obras mais melodiosas e revolucionárias, é emocionante. "O grande diferencial desse concerto é o alto impacto emocional que essas obras serão capazes de provocar no público", afirma

Fonte: ASN

Comentários